Publicidade

Estado de Minas

Pesquisa aponta Kalil na frente em corrida pela Prefeitura de BH em 2020

Na tentativa de se reeleger prefeito de Belo Horizonte, Kalil lidera as pesquisa estimulada. No levantamento espontâneo, mais de 70% dos eleitores dizem que ainda não escolheram candidato para 2020


postado em 07/08/2019 16:18 / atualizado em 07/08/2019 17:27

(foto: Juarez Rodrigues. EM.DA Press)
(foto: Juarez Rodrigues. EM.DA Press)
Pesquisa do Instituto Paraná divulgada nesta quarta-feira (7) mostra o prefeito Alexandre Kalil (PSD) à frente na preferência dos eleitores de Belo Horizonte para a eleição de 2020.

Nos três cenários estimulados (em que são apontados nomes) Kalil lidera o levantamento, sendo citado por mais de 40% dos entrevistados.

A um ano e três meses da eleição, na pesquisa espontânea (em que não são apontados nomes) mais de 70% dos eleitores dizem não saber em quem votar.

No primeiro cenário, o prefeito aparece com 40,2% das intenções de voto, seguido do deputado Mauro Tramonte (PRB), com 19,55. Em terceiro lugar aparece o deputado João Vitor Xavier (Cidadania), com 5% da preferência dos entrevistados. Tiveram mais de 4% das intenções de voto os deputados André Quintão (PT), Áurea Carolina (Psol) e Eros Biondini (Pros). Neste cenário, 10,3% afirmaram não votar em nenhum deles e 4,3% não sabem.

Sem a presença de Mauro Tramonte, no segundo cenário Kalil aparece com 47,3% das intenções de voto. Em segundo lugar está André Quintão, com 6,6%, seguido de João Vitor Xavier (com 6,2%), Eros Biondini (5,2%), Áurea Carolina (4,8%), Wendel Mesquita (3%), Gabriel Azevedo (2,1%), Mateus Simões (2%), Marcelo Álvaro Antônio (1,6%) e Eduardo Barbosa (1,5%). Neste cenário, 13,6% não escolheram nenhuma das opções e 6,1% não souberam responder.

Os pesquisadores fizeram ainda um terceiro cenário, em que o candidato do PT é substituído: o deputado federal Reginaldo Lopes entra no lugar do deputado estadual André Quintão.

Nesse levantamento, Kalil lidera com 48,8% das intenções de voto, seguido de João Vitor Xavier, com 7,1%. Na sequência aparecem Eros Biondini (5,8%), Áurea Carolina (4,8%), Wendel Mesquita (4,2%), Reginaldo Lopes (2,9%), Gabriel Azevedo (2,5%), Eduardo Barbosa (1,6%), Laura Serrano (1,1%) e Bruno Engler (0,4%). Neste cenário 13% dos entrevistados não quiseram escolher nenhum dos nomes apresentados e 7,8% não souberam responder.

Pesquisa espontânea

Quando perguntados em quem votariam para ser prefeito de Belo Horizonte em 2020 sem uma lista de candidatos (levantamento espontâneo), 71,5% dos eleitores entrevistados afirmaram que ainda não sabem quem escolher e outros 8,6% afirmam que não vão escolher nenhum candidato.

Na pesquisa espontânea o prefeito Kalil é o mais lembrado, sendo citado por 16,1% dos entrevistados. O segundo mais lembrado é o ex-prefeito e deputado federal Patrus Ananias (PT), citado por 0,9%. Em terceiro lugar aparecem empatados com 0,5% da preferência dos eleitores o ex-governador e senador Antonio Anastasia (PSDB) e o ex-prefeito da capital Marcio Lacerda (sem partido). Também são citados Duda Salabert (sem partido) (0,4%), João Vitor Xavier, Mateus Simões e Gabriel Azevedo (cada um com 0,2%).

O Instituto ouviu 806 eleitores da capital mineira entre os dias 31 de julho e 4 de agosto. Tal amostra representativa da cidade atinge um grau de confiança de 95% para uma margem estimada de erro de, aproximadamente, 3,5% para os resultados gerais.

Avaliação da gestão Kalil 

A pesquisa avaliou também a percepção dos eleitores sobre a gestão de Kalil à frente da PBH. Para 13,3% dos entrevistados a administração do ex-presidente do Galo é ótima; 40,1% consideram a administração boa; 32,1% consideram regular; 6,1% consideram ruim e 7,3% consideram péssima. 

Quando perguntados se aprovam ou desaprovam a maneira do prefeito Kalil de governar, 71,5% dos entrevistados afirmaram que aprovam e 24,6% que desaprovam. Outros 4% não souberam opinar.

Em agosto o índice de aprovação do prefeito caiu quase dois pontos percentuais em relação a março, quando 73,2% aprovavam a gestão. 


Publicidade