Publicidade

Estado de Minas

CCJ do Senado retoma análise de abuso de autoridade com alterações de relator

O texto é alvo de críticas de investigadores. A ideia é que o projeto seja votado ainda nesta quarta-feira no plenário do Senado


postado em 26/06/2019 10:51 / atualizado em 26/06/2019 11:23


A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado retomou, nesta quarta-feira (26), a análise do projeto de lei que pune o abuso de autoridade praticado por juízes e procuradores, além de criminalizar o caixa dois. O texto é alvo de críticas de investigadores.

O relator do projeto, senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG), fez algumas alterações em seu parecer após reuniões com representantes de magistrados, advogados e procuradores.

As alterações estavam sendo lidas nesta manhã por ele durante a sessão do colegiado. A ideia é que o projeto seja votado ainda nesta quarta-feira no plenário do Senado.

(foto: Reprodução/Youtube)
(foto: Reprodução/Youtube)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade