Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Governador do ES defende reforma, mas propõe ajustes, como em pontos do BPC


postado em 27/04/2019 15:09

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), reiterou neste sábado que é contra os itens da reforma da Previdência relativos ao Benefício de Prestação Continuada (BPC), à aposentadoria rural e à desconstitucionalização do sistema previdenciário. Também disse ser contra uma proposta que crie um regime de capitalização.

Em relação à desconstitucionalização, Casagrande disse que essa mudança colocaria em risco conquistas do País nas últimas décadas, sem especificar a que se referia.

Apesar das críticas a esses pontos, o governador capixaba ressaltou que é favorável à reforma da Previdência e acredita que a proposta poderá ajudar o País e os Estados a resolverem seus problema fiscais.

Casagrande participou neste sábado de encontro de governadores do Sul e do Sudeste, realizado no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo.

Além de Casagrande e do anfitrião João Doria, governador de São Paulo, participaram da reunião os governadores de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), e de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL). Os Estados do Rio de Janeiro e do Paraná foram representados pelos vice-governadores Cláudio Castro (PSC) e Darsi Piana (PSD), respectivamente.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade