Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Minas: no segundo turno, Haddad dá salto, mas Bolsonaro vence com larga vantagem

Novo presidente do Brasil já havia sido o mais votado do estado no primeiro turno


postado em 28/10/2018 20:00 / atualizado em 28/10/2018 22:14

Jair Bolsonaro foi o mais votado em Minas Gerais nos dois turnos da eleição presidencial(foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO)
Jair Bolsonaro foi o mais votado em Minas Gerais nos dois turnos da eleição presidencial (foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO)

Na comparação entre primeiro e segundo turno, Fernando Haddad (PT) teve maior evolução nas urnas em Minas Gerais que Jair Bolsonaro (PSL). Apesar do salto no apoio ao petista, o novo presidente do Brasil foi o mais votado no estado.

Com 100% das urnas apuradas, Jair Bolsonaro foi a opção de 6.100.196 eleitores (58,19% dos votos válidos). No primeiro turno, o capitão da reserva do Exército recebeu 5.308.074 (48,31%) votos em Minas Gerais. A evolução, portanto, foi de quase 800 mil votos.

Fernando Haddad, por sua vez, foi o escolhido de 3.037.957 eleitores de Minas Gerais no primeiro turno (27,65% dos votos válidos). Com 100% das seções apuradas, 4.383.099 (41,81%) pessoas haviam escolhido o petista. Dessa forma, a diferença foi de mais de 1,3 milhões de votos.

Somados, os percentuais de votos brancos e nulos era de 13,12%. No primeiro turno, foi de 10,05%.

Jair Bolsonaro foi o mais votado em todo o sudeste e na maior parte do país. Fernando Haddad repetiu o desempenho expressivo no Nordeste e liderou nos nove estados da região.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade