Publicidade

Estado de Minas

'Futuro presidente deve jurar a Constituição', diz presidente do STF, Dias Toffoli ao votar em Brasília


postado em 28/10/2018 11:50 / atualizado em 28/10/2018 12:11

(foto: José Cruz/Agência Brasil)
(foto: José Cruz/Agência Brasil)
O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, votou em um colégio no Lago Norte, em Brasília (DF). Toffoli ficou pouco no tempo no local e, por volta das 10h40, já havia encerrado o procedimento.

Antes de ir embora, o ministro afirmou que o futuro presidente deverá jurar a Constituição Federal e respeitar as instituições. “É importante lembrar que o futuro presidente terá como primeiro ato jurar a Constituição”, disse Toffoli.

Após sair da zona eleitoral, o presidente do STF leu o artigo três da Constituição, e defendeu a manutenção da democracia e da oposição. “(O próximo presidente) deve garantir a pluralidade política, respeitando a oposição que se formará”, afirmou. 

Toffoli chegou ao seu local de votação acompanhado de assessores. O ministro conversou brevemente com alguns eleitores e aguardou na fila por cinco minutos, antes de entrar na sala.



Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade