Publicidade

Estado de Minas

"O grande objetivo foi alcançado, retiramos o PT de Minas Gerais", afirma Anastasia após apuração

O ex-governador não comentou o fato de ter ficado em segundo lugar no primeiro turno


postado em 07/10/2018 22:58 / atualizado em 07/10/2018 22:59

Segundo Anastasia, o objetivo de vencer o PT,em Minas, foi alcançado(foto: Marcos Vieira/D.A Press)
Segundo Anastasia, o objetivo de vencer o PT,em Minas, foi alcançado (foto: Marcos Vieira/D.A Press)
O senador Antonio Anastasia (PSDB) afirmou na noite deste domingo que o objetivo de sua participação no primeiro turno da eleição foi alcançado: tirar o PT do governo de Minas e derrotar a ex-presidente Dilma Rousseff nas urnas. Em rápido pronunciamento à imprensa, o candidato tucano não respondeu perguntas e não comentou o fato de ter ficado em segundo lugar, atrás do empresário Romeu Zema, do Partido Novo.


O senador destacou o fato de o governador Fernando Pimentel (PT) não ter chegado ao segundo turno. Anastasia disse que o mineiro deu uma resposta à altura dos equívocos e falhas do atual governo. " Os mineiros mostraram esse repúdio nas urnas". O ex-governador ainda acrescentou: “O grande objetivo foi alcançado, que foi a retirada do PT do desgoverno do Pimentel de Minas Gerais, bem como a derrota de sua candidata ao senado”

Anastasia disse que desde o início da campanha contava com uma campanha de dois turnos e comemorou a eleição do candidato de sua chapa ao Senado, Rodrigo Pacheco (SD), e do jornalista Carlos Viana (PHS), que também fez campanha com ele. 


Segundo Anastasia, o segundo turno será uma outra eleição e os candidatos terão mais tempo na televisão e nos debates para apresentar suas propostas. “Vai ser em um cenário novo, sem o PT, e vamos ter a oportunidade de comparar o perfil de cada candidato, o que cada um já fez pelo estado. Estou totalmente entusiasmado de que no dia 28 venceremos o segundo turno para governar Minas Gerais”, disse.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade