Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Alckmin diz que tentará convencer indecisos para garantir segundo turno

Em campanha no interior de São Paulo, candidato disse que trabalha para ocupar segunda posição na preferência dos eleitores


postado em 06/10/2018 11:58 / atualizado em 06/10/2018 12:21

(foto: Reprodução/Twitter/Geraldo Alckmin )
(foto: Reprodução/Twitter/Geraldo Alckmin )

O candidato à Presidência da República pelo PSDB Geraldo Alckmin afirmou neste sábado, 6, que está focado no convencimento aos eleitores indecisos na véspera do primeiro turno. Em Bauru, onde cumpriu agenda neste sábado, ele disse que trabalha para garantir a vice-liderança - hoje ocupada nas pesquisas por Fernando Haddad (PT) - e, assim, ir para o segundo turno.

"Até hoje, vamos pedir voto, fazer campanha, tentar convencer os eleitores indecisos. Política é sempre convencimento. Democracia são argumentos. Quem decide é o povo, ele é o grande juiz. Amanhã quem fala é o povo. Estamos empatados no terceiro lugar, trabalhando para ir para o segundo lugar", afirmou o ex-governador de São Paulo.

Na cidade do interior paulista, o candidato ainda fez promessas direcionadas à saúde. Segundo ele, em um possível governo, reabriria leitos do SUS. "Vamos reabrir os 30 mil leitos do SUS fechados por falta de verba e reajustar a tabela do sistema, dando um respiro às Santas Casas e hospitais beneficentes, além de atender melhor a população", disse.

Ainda neste sábado, Alckmin cumpre agenda em São Paulo, na recém inaugurada linha lilás do metrô, estação Santa Cruz.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade