Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Ibope/SC: Mariani tem 31% dos votos válidos; Gelson, 29%; Décio, 23%


postado em 05/10/2018 21:29

O candidato Mauro Mariani (MDB) tem 31% dos votos válidos na disputa ao governo de Santa Catarina, de acordo com pesquisa Ibope divulgada na noite desta sexta-feira, 5. Considerando-se a margem de erro de três pontos porcentuais, ele aparece tecnicamente empatado com Gelson Merísio (PSD), que tem 29%.

O candidato Décio Lima (PT) aparece em terceiro lugar, com 23%. Comandante Moisés (PSL) tem 12%; Camasão (PSOL), 2%; Ingrid Assis (PSTU), 2%; Jessé Pereira (Patriota), 1%; e Portanova (Rede), 1%.

Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos.

Considerando-se os votos totais, Mariani tem 25%; Gelson, 23%; Décio, 19%; Comandante Moisés, 9%; Camasão, 2%; Ingrid, 1%; Portanova, 1%; e Jessé, 1%. Votos brancos e nulos são 11% e indecisos, 8%.

Foram testados três cenários de segundo turno.

Gelson supera Décio por 40% a 30%. Votos brancos e nulos são 20% e indecisos, 9%.

Mariani vence Décio por 43% a 28%. Votos brancos e nulos são 19% e indecisos, 10%.

Os candidatos do MDB e do PSD aparecem tecnicamente empatados. Mariani tem 38% e Gelson, 33%. Votos brancos e nulos são 19% e indecisos, 10%.

Para o Senado, com base nos votos válidos, Esperidião Amin (PP) tem 23%; Raimundo Colombo (PSD), 21%; Paulo Bauer (PSDB), 15%; Jorginho Mello (PR), 13%; Ideli Salvatti (PT), 6%; Lucas Esmeraldino (PSL), 5%; Roberto Salum (PMN), 4%; Lédio Rosa (PT), 3%; Professor Antônio (PSOL), 3%; Ricardo Lautert (PSTU), 2%; Professor Pedro Cabral (PSOL), 2%; Diego Mezzogiorno (Rede), 1%; Andreá Luciano Carvalho (PCO), 1%; Miriam Prochnow (Rede), 1%.

A pesquisa foi encomendada pela NC Comunicações. Foram ouvidos 1.008 eleitores entre 3 e 5 de outubro. O registro no TRE é o SC-01620/2018 e no TSE é o BR-01457/2018. O nível de confiança utilizado é de 95%.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade