Publicidade

Estado de Minas

Manifestantes pró-Lula fecham avenidas em Belo Horizonte

No início da manhã, protestos foram registrados nas avenidas Antônio Carlos e Nossa Senhora do Carmo. Petistas marcaram ato público na Praça Afonso Arinos, às 17h, e no início da tarde desta quarta-feira não há pontos de bloqueio de trânsito


postado em 11/04/2018 07:22 / atualizado em 11/04/2018 13:16

Ver galeria . 14 Fotos Manifestantes pró-Lula protestam em Belo Horizonte. Na foto, grupo fecha trecho da Avenida Antônio CarlosReprodução da internet/WhatsApp
Manifestantes pró-Lula protestam em Belo Horizonte. Na foto, grupo fecha trecho da Avenida Antônio Carlos (foto: Reprodução da internet/WhatsApp )

Manifestantes que pedem a soltura do ex-presidente Lula participam de uma série de atos nesta quarta-feira em Belo Horizonte. No início da manhã, algumas das principais vias da cidade foram interditadas. 

Por volta das 6h20, um grupo de manifestantes fechou a pista mista da Avenida Antônio Carlos, em frente a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), no sentido Centro. Os manifestantes chegaram a colocar fogo em objetos para interditar a via. O Corpo de Bombeiros apagou as chamas. O trânsito ficou lento na região, com reflexos na pista do Move. Segundo a Polícia Militar (PM), às 7h15 o protesto continuava, mas a via estava liberada. 

Também houve fogo na Avenida Nossa Senhora do Carmo, no Sion(foto: Túlio Lima/Divulgação)
Também houve fogo na Avenida Nossa Senhora do Carmo, no Sion (foto: Túlio Lima/Divulgação)
Outro foco de manifestação foi na Avenida Nossa Senhora do Carmo, no Bairro Sion, Região Centro-Sul de Belo Horizonte, também com impactos no trânsito em direção ao Centro. A manifestação era pacífica e ocorria na altura do trevo do Belvedere. A BHTrans orientou os motoristas a utilizarem desvios pelas ruas Nicarágua e e Panamá. Um vídeo flagrou o momento em que os manifestantes descarregavam pneus do bagageiro de um ônibus, já com a pista interrompida (veja abaixo)
 
Já na Grande BH, outro grupo pró-Lula incendiou pneus na BR-381 em frente à fábrica de massas Vilma, altura do km 478, em Contagem.
 




Atualização da tarde:


Não há registro de avenidas de Belo Horizonte e da Grande BH fechadas por manifestantes em favor da soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no início da tarde desta quarta-feira.

Diferente do que aconteceu no início da manhã, a BHTrans e a Polícia Militar informaram que não há pontos de bloqueio nas principais avenidas. Mais cedo, houve registro de protestos nas avenidas Antônio Carlos, Nossa Senhora do Carmo e Amazonas em BH, além da Cardeal Eugênio Pacelli e BR-381 em Contagem, na região metropolitana.

Segundo a PM, há uma concentração de manifestantes na região da Praça da Assembleia, Centro-Sul de BH, mas não há fechamentos de trânsito. De acordo com o PT de Minas Gerais, está previsto novo ato pela liberdade do ex-presidente às 17h, na Praça Afonso Arinos, que fica no encontro das avenidas João Pinheiro, Augusto de Lima e Álvares Cabral, no Centro de Belo Horizonte.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade