Publicidade

Estado de Minas

PF prende irmão de José Dirceu, condenado na Lava-Jato

Luiz Eduardo de Oliveira e Silva foi preso na manhã desta sexta-feira


postado em 09/02/2018 11:01

A Polícia Federal prendeu na manhã desta sexta-feira em Ribeirão Preto, São Paulo, o irmão do  ex-ministro José Dirceu, Luiz Eduardo de Oliveira e Silva. Ele foi condenado em segunda instância na Operação Lava-Jato.

Em maio de 2016, Luiz Eduardo foi condenado, em primeira instância, a oito anos e nove meses de prisão em regime fechado por lavagem de dinheiro e organização criminosa. A pena foi aumentada para 10 anos, seis meses e 23 dias pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em setembro de 2017.

José Dirceu foi condenado nessa mesma ação no TRF-4  23 anos e três meses de prisão por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização. Enrtetanto, a  Corte ainda não avaliou um recurso apresentado pela defesa em 8 de janeiro.

A denúncia envolve atos ilícitos praticados na diretoria de Serviços da Petrobras, entre 2004 e 2011.
O valor de corrupção envolvido nestes atos foi estimado pelo Ministério Público Federal (MPF) em R$ 60 milhões, dos quais R$ 65 milhões foram lavados, ainda segundo a acusação

Após  ser preso em casa, Luiz Eduardo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de corpo de delito e, em seguida, transferido ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Ribeirão.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade