Publicidade

Estado de Minas

Veja como será a votação da denúncia contra Temer na Câmara

Como será a sessão que analisará o parecer pelo arquivamento da denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer


postado em 02/08/2017 06:00 / atualizado em 02/08/2017 07:25



JÚLIO DELGADO (PSB)

Integrante da oposição ao governo Temer, já anunciou voto contra o parecer que arquiva a denúncia

Como deve ser a votação?

Primeiro a gente tem que esperar o governo apresentar os números suficientes para derrubar o relatório do Paulo Abi-Ackel. O governo está articulando um requerimento (para encerrar a discussão e garantir a votação amanhã [hoje]), mas nós já temos a maioria. Não vamos dar quórum para encerrar a discussão. Ainda precisamos conversar e trazer mais colegas para chegar aos 342 votos (necessários para manter a denúncia).

Quantos votos

A oposição ou o governo têm?
Nós contabilizamos entre 240 e 260 votos. O governo não tem mais que 220 votos. Então, temos que trabalhar muito até o dia da votação.

Mas a votação não é amanhã (hoje)?

Aqui em Brasília, 24 horas é uma eternidade, ainda tem muita coisa para acontecer. Nossa estratégia será discutir muito para a sociedade saber tudo que está acontecendo. Temos que viver cada dia com cada agonia.

NEWTON CARDOSO JR (PMDB)

Filiado ao partido de Michel Temer, o parlamentar seguirá a orientação de legenda e votará pelo arquivamento da denúncia

Como deve ser a votação?
Qualquer previsão agora é só suposição. Sinceramente, não tenho nenhuma previsão sobre amanhã (hoje), mas acredito que o governo tem a maioria (para aprovar o relatório).

Qual será a estratégia dos governistas para garantir a vitória do relatório?
Sinceramente, como não estou na linha de frente, tenho dificuldade de falar em estratégias. A única novidade é que o partido fechou questão de votar favoravelmente ao relatório (o que significa que o partido impõe a seus deputados federais a votação de acordo com a determinação da direção).

Um resultado favorável sepulta de vez a crise envolvendo o governo Temer?
Depende do tamanho do resultado, do placar da votação. Mas já é um grande passo.

 

 

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade