Publicidade

Estado de Minas

Candidatos a prefeito de BH buscam votos até no feriado

No Dia da Independência, candidatos à PBH têm compromissos de campanha ligados ou não às comemorações da data nacional


postado em 08/09/2016 06:00 / atualizado em 08/09/2016 07:25

Aniversário do Mercado Central também entrou na agenda de ontem (foto: Euler Júnior/EM/D.A Press)
Aniversário do Mercado Central também entrou na agenda de ontem (foto: Euler Júnior/EM/D.A Press)
Como não existe folga em plena campanha política, candidatos à Prefeitura de Belo Horizonte aproveitaram o feriado de 7 de Setembro para conquistar mais votos. Candidato do PMDB, o deputado federal Rodrigo Pacheco foi nessa quarta-feira (7) à Feira dos Produtores, na Cidade Nova. Mais cedo, gravou programa eleitoral. Hoje, destaque para o apoio de mais um partido à chapa do peemedebista, agora do PEN. Às 10h, o deputado estadual Fred Costa e candidatos a vereador do partido participam de evento para oficializar a parceria na campanha. Até agora, PTN e PSC compunham a coligação de Pacheco.


Na manhã dessa quarta-feira (7), o candidato Eros Biondini (PROS) apresentou proposta de congelar o valor do Imposto sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) a grupo formado por representantes do setor imobiliário e contribuintes. “Temos total capacidade de compensar o que de certa forma seria perdido, deixando de aumentar o IPTU. Faríamos isso com o enxugamento da máquina pública, cortando cargos comissionados, indicados por padrinhos políticos em BH”, reforçou Biondini, que ainda citou entre as medidas que levariam ao congelamento o corte de gastos com consultorias, assim como o incentivo ao turismo e ao comércio.

O deputado federal Marcelo Álvaro Antônio, candidato do PR, passou o feriado na comemoração do aniversário de 87 anos do Mercado Central. “Nossa gestão não vai se omitir em relação ao potencial do Mercado Central. É um equipamento turístico e comercial que emprega e gera renda. Vamos realizar um profundo diagnóstico do espaço para valorizá-lo ainda mais e requalificá-lo”, prometeu o candidato.

O vice-prefeito Délio Malheiros (PSD), candidato do prefeito Marcio Lacerda (PSB), esteve envolvido nessa quarta-feira (7) com compromissos internos da campanha. Pela manhã, gravou programa eleitoral para rádio e TV. À tarde, reuniu-se com equipe para elaborar o programa de governo. O candidato tucano, João Leite (PSDB), também ficou envolvido com gravação de programa eleitoral.

INDEPENDÊNCIA
Outros candidatos participaram dos atos que marcaram o dia de comemoração da Independência do Brasil. Maria da Consolação, do PSOL, e o petista Reginaldo Lopes (PT) foram ao Grito dos Excluídos. A marcha, formada por movimento sociais, pastorais, movimentos sindicais e sociedade civil, protestou contra o governo do presidente recém-empossado Michel Temer (PMDB). Já o candidato do PDT, Sargento Rodrigues, marcou presença no desfile militar na Avenida Afonso Pena.

“Essa luta é para recuperar a nossa democracia. Temos que resistir nas ruas, nas redes e nas urnas”, disse Reginaldo, numa crítica ao impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.  “Esse é um dia para refletirmos sobre nosso papel de cidadão consciente e buscar, juntos, a mudança que queremos na nossa cidade e em nosso país”, ressaltou, por sua vez, Sargento Rodrigues.

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade