Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Leitor questiona os rumos do Brasil


postado em 14/04/2020 04:00



Antonio Negrão de Sá
Rio de Janeiro – RJ

"O ambiente mundial sofre uma grande mutação. Muita perplexidade com o que está acontecendo nessa pandemia. 
Nesse quadro, a sáude é determinante, pois é vida, mas o inimigo sempre usa e pensa na economia. Os economistas neoliberais defendem a estratégia de transferir o aumento brutal das despesas da calamidade nas contas públicas para os contribuintes, livrando o capital de ônus. Finda a quarentena, retornar com vigor às reformas neoliberais. Fazem diversas 
previsões da dívida pública, queda do PIB e como fazer para evitar perdas das receitas. Esse é o enigma e dilema deles. 
Se a crise é mais grave, a "ficha não caiu". A pergunta que o mundo real, destroçado pela pandemia faz é outra. O estado mínimo sobrevive, assim como a austeridade? É um ou outro."

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade