Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Assinante critica atuação de eleitos


postado em 17/10/2019 04:00

Luciano Leal  
Belo Horizonte 

"A esperança de todos nós, nas últimas eleições, era renovar o Senado e a Câmara dos Deputados. No Senado, até que acertamos, vamos aguardar. Também a Câmara foi renovada, mas para pior, com raríssimas exceções. Já idoso, raramente saio de casa e acompanho quase todas as tardes a política brasileira pelas TVs do Senado Federal e da Câmara dos Deputados. Em ambas, infelizmente, reina a falta de disciplina, bem como a de respeito entre os parlamentares para com aquele que está com a palavra, principalmente tratando-se do presidente da casa. Nenhum deputado ou senador apresentou, até agora, qualquer projeto pelo desenvolvimento do país, como nas áreas das  ferrovias, rodovias, portos, segurança, educação, saúde, política e outras. Vai acontecer, em novembro, um megaleilão do petróleo produzido pelo pré-sal, destinando parcelas dos valores apurados para estados e municípios. A Câmara já está apresentando um destaque de 10% para emendas individuais e fundo partidário. Usam um tratamento honroso em seus acalorados debates ('Vossas Excelências') sem merecê-lo. A meu ver, o número de deputados federais e estaduais é bastante elevado e poderia ser reduzido pela metade. Quando falo na Petrobras, é bom lembrar que na mesma, depois de assaltada por políticos de diversos partidos nos governos anteriores, agora os resultados começam a aparecer. Mais de R$ 5 bilhões de superávit e aumento de 30% na produção de petróleo. A nossa Assembleia Legislativa e o poder político estão acima do interesse popular e a Câmara Municipal é deveras vergonhosa. Não merecemos os atuais componentes da Casa. Nem do Senado, Câmara Federal e nossa Assembléia Legislativa, já que a preocupação delas é de propor CPIs, acusar e defender os respectivos governos, deixando de lado os problemas do país."


Publicidade