Publicidade

Estado de Minas Queda

COVID: Média móvel de mortes cai para abaixo de mil pela 1ª vez em 6 meses

A última vez que o indicador havia ficado abaixo da marca foi em 20 de janeiro deste ano no país


31/07/2021 21:16 - atualizado 31/07/2021 21:54

(foto: Michael Dantas/AFP)
(foto: Michael Dantas/AFP)

A média móvel de mortes por COVID-19 nopaís ficou abaixo de mil pela primeira vez em mais de seis meses. Neste sábado (31/7), com 925 novos óbitos confirmados pela doença, o Brasil registrou média de 991 vítimas diárias. A última vez que o indicador havia ficado abaixo da marca foi em 20 de janeiro deste ano, quando o número estava em 983.

A média móvel de vítimas elimina distorções entre dias úteis e fim de semana, quando há menos serviços de notificação em funcionamento.

O número de novas infecções registradas neste sábado foi de 35.541, elevando o número de diagnósticos positivos de COVID-19 para 19.914.578. Ao todo, o Brasil contabiliza 556.437 mortes pela doença.

Os dados diários do Brasil são do consórcio de veículos de imprensa formado por Estadão, G1, O Globo, Extra, Folha e UOL em parceria com 27 secretarias estaduais de Saúde, em balanço divulgado às 20h. Segundo os números do Ministério da Saúde, 18.619.542 pessoas estão recuperadas.

O balanço de óbitos e casos é resultado da parceria entre os seis meios de comunicação que passaram a trabalhar, desde 8 de junho do ano passado, de forma colaborativa para reunir as informações necessárias nos 26 estados e no Distrito Federal. A iniciativa inédita é uma resposta à decisão do governo Bolsonaro de restringir o acesso a dados sobre a pandemia, mas foi mantida após os registros governamentais continuarem a ser divulgados.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade