Publicidade

Estado de Minas GOIÁS

Em Goiás, cinco pacientes mortos depois de problema no oxigênio de hospital

Hospital teve problema para fornecer oxigênio para pacientes da UTI após queda de uma árvore provocou falta de energia no bairro


14/07/2021 12:09

(foto: Reprodução/TV Anhanguera)
(foto: Reprodução/TV Anhanguera)
Morreu, nesta quarta-feira (14/7), mais um paciente transferido do Hospital de Campanha de Porangatu para Uruaçu, no Norte de Goiás, depois que uma falta de energia impediu o fornecimento de oxigênio para pacientes da COVID-19. Com essa, já são cinco mortes depois do incidente.

A Secretaria Estadual de Saúde não informou qual idade e o sexo do paciente. Ao todo, 11 pacientes foram transferidos, todos em estado grave, para o Hospital de Enfrentamento à COVID-19 do Centro-Norte Goiano em Uruaçu.

Um paciente morreu antes da transferência, outros três antes de completar 24 horas e a quinta antes de completar 48 horas de internação.

No domingo, uma árvore que teria sido podada sem autorização da Enel, companhia elétrica de Goiás, caiu e atingiu a rede elétrica do bairro que está localizado a unidade de saúde. A Prefeitura de Porangatu abriu um processo administrativo para apurar os fatos e a Polícia Civil apura se as mortes tiveram relação com o incidente. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade