Publicidade

Estado de Minas MANAUS

Governador do Amazonas pede ajuda à Força Nacional para conter ataques

Os ataques estariam acontecendo devido à morte de um membro de uma facção criminosa


07/06/2021 14:26

(foto: EDMAR BARROS/FUTURA PRESS)
(foto: EDMAR BARROS/FUTURA PRESS)

O governador do estado de Amazonas, Wilson Lima (PSC), informou, por meio do Twitter, que pediu ao Ministério da Justiça o envio da Força Nacional para conter os atos de vandalismo que vêm acontecendo, sobretudo, na capital do estado, Manaus.

Apenas neste fim de semana, vândalos atearam fogo em uma Unidade Básica de Saúde (UBS), no prédio do Sindicato das Empresas de transportes Públicos de Amazonas (Sinestram) e em um caixa eletrônico. A capital totaliza 11 incêndios criminais.
Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP - AM), os criminosos estão à procura de um integrante de uma facção criminosa. Ele teria assassinado um traficante de drogas. A morte do traficante aconteceu durante troca de tiros interceptada pela PM no bairro de Redenção, na zona centro-oeste de Manaus.

Até a publicação desta matéria a PM já prendeu 29 pessoas no estado, sendo 16 na capital e os demais no interior do estado.

Confira abaixo a lista das cidades que vêm sofrendo ataques de vandalismo

Iranduba (39km de Manaus)
Incêndio em três veículos
Incêndio na Caixa Econômica Federal

Parintins (396km de Manaus)
Incêndio em um ônibus
Incêndio em viatura da PM

Careiro Castanho (124km de Manaus)
Incêndio na Secretaria de Obras

Manacapuru (99km de Manaus)
Incêndio no PAC

Carauari (788km de Manaus)
Princípio de incêndio no Centro de Convivência da Família
- 10 presos até o momento

Rio Preto da Eva (80km de Manaus)
Um ônibus incendiado
- 3 presos até o momento

* Estagiária sob a supervisão de Vinícius Nader


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade