Publicidade

Estado de Minas VIOLÊNCIA

Veja: pacientes e funcionários são assaltados em clínica odontológica no DF

Consultório odontológico foi alvo de assaltantes nesta terça-feira (02/03); ação dos criminosos foi filmada pelo circuito interno de segurança


03/03/2021 10:08 - atualizado 03/03/2021 10:31

Imagens mostraram o momento de terror vividos por uma das funcionárias(foto: Material cedido ao Correio)
Imagens mostraram o momento de terror vividos por uma das funcionárias (foto: Material cedido ao Correio)
Pacientes e funcionários que estavam no consultório odontológico do Sindicato dos Frentistas de Brasília (Sinpospetro-DF), na QR 3, da Candangolândia, foram surpreendidos, na tarde desta terça-feira (2/3), por uma dupla armada. Imagens do circuito interno de segurança, obtidas pelo Correio, registraram a ação dos criminosos (veja o vídeo abaixo).

A filmagem, em plena luz do dia, mostra o momento em que os dois homens — um vestido em uma bermuda laranja e o outro de calça jeans — aparecem caminhando pela rua. Eles passam em frente ao consultório, onde também funciona a sede do sindicato, e entram no local.

Em outra câmera de segurança, o funcionário está sentado na recepção, quando é surpreendido pelos assaltantes. Um deles aponta a arma e corre para as salas do consultório, enquanto o outro rouba o celular da vítima e pede para que ele abra uma porta.

Poucos segundos depois, uma funcionária, que aparenta estar tirando o intervalo, é interrompida enquanto come. Ao ver o assaltante, ela corre para uma das salas e o criminoso a segue apontando a arma para a mulher. Na sala, as imagens são nítidas e mostram o momento de terror passado pela trabalhadora.

A ação dura menos de dois minutos, tempo suficiente para a dupla levar cinco celulares, um notebook, um relógio e R$ 900 do caixa. Na última filmagem, é possível ver os dois fugindo em meio ao movimento de carros. Dois dos aparelhos roubados foram jogados pelos criminosos no meio da rua, por terem serviço de rastreamento.

Prejuízo

O diretor do sindicato, Willian Ferreira, 39 anos, contou que essa foi a primeira vez que a clínica foi assaltada. O prejuízo estimado, segundo ele, chega a R$ 7 mil. “Foi um momento de terror enfrentado pelos pacientes e funcionários. Haviam pessoas sendo atendidas no momento do crime. Temos sistema de segurança, mas não foi capaz de inibir a ação dos bandidos”, lamentou.

Um boletim de ocorrência foi registrado na 11ª Delegacia de Polícia (Núcleo Bandeirante). Na noite desta terça-feira, a equipe da perícia esteve no local. Até a última atualização desta reportagem, ninguém havia sido preso.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade