Publicidade

Estado de Minas POPULAÇÃO ARMADA

Número de civis armados passa de 1 milhão no Brasil, diz jornal

Aumento é de 65% em relação aos números de dezembro de 2018, ano do primeiro decreto de Bolsonaro para expansão do armamento da população


31/01/2021 08:48 - atualizado 31/01/2021 09:07

No caso de armas registradas pelo Exército, que atendem a caçadores, atiradores e colecionadores, houve aumento de 58%(foto: Jair Amaral/EM/D.A press)
No caso de armas registradas pelo Exército, que atendem a caçadores, atiradores e colecionadores, houve aumento de 58% (foto: Jair Amaral/EM/D.A press)
Dois anos depois do primeiro decreto do presidente Jair Bolsonaro rumo à expansão do armamento da população, o país tem 1,151 milhão de armas legais nas mãos de cidadãos - 65% mais do que o acervo ativo de dezembro de 2018, que era de 697 mil.

Os dados são inéditos e foram obtidos pelo jornal O Globo via Lei de Acesso à Informação junto ao Exército e à Polícia Federal (PF), em uma parceria com os Institutos Igarapé e Sou da Paz.

O aumento mais expressivo, de 72%, se deu no registro da Polícia Federal, que contempla as licenças para pessoas físicas. O número passou de 346 mil armas de fogo, em 2018, para 595 mil, no fim de 2020.

Nos casos de armamentos registrados pelo Exército, que atendem aos Caçadores, Atiradores e Colecionadores (CACs), a elevação, no mesmo período, foi de 58%: passou de 351 mil para 556 mil. Tanto em um quanto no outro órgão, o salto não é explicado apenas pelas novas armas de fogo, mas também por registros expirados que foram renovados.


'Arma é liberdade', diz Bolsonaro
 

No último 12 de janeiro, Bolsonaro afirmou que pretende avançar com a pauta armamentista. Para apoiadores, ele destacou querer que "cidadãos de bem" tenham armas por ser uma garantia de liberdade.

 

"Eu quero destravar a questão de armas no Brasil. Em 2020, vendemos quase o dobro de armas que em 2019, armas legais", ressaltou em conversa com apoiadores na saída do Palácio da Alvorada. "Quero que vocês cidadãos de bem tenham armas porque a arma é uma liberdade para vocês, é a garantia que você, dentro de casa, vai dar o direito da sua família ser protegida", disse.

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade