Publicidade

Estado de Minas GERAL

Pesquisadores estimam 41 mil casos de COVID-19 no Brasil até o dia 20

Se as medidas de isolamento forem suspensas ou se a adesão da população diminuir muito, o Brasil pode seguir o cenário dos Estados Unidos


postado em 03/04/2020 20:24 / atualizado em 03/04/2020 21:19

Em todos os cenários, a epidemia está em crescimento(foto: Fotos Públicas/Reprodução )
Em todos os cenários, a epidemia está em crescimento (foto: Fotos Públicas/Reprodução )
O Brasil deverá ter 41 mil casos de covid-19 até o dia 20 de abril, segundo novo levantamento do Núcleo de Operações e Inteligência em Saúde (Nois), que reúne pesquisadores da PUC, da Fiocruz e do Instituto D`Or. Num cenário otimista, o número seria de 35.298. Num cenário pessimista, a evolução seria pior do que a observada na Itália e na Espanha e chegaria a 60 mil casos. O País tem, nesta sexta-feira, 9.059 confirmados.

Se as medidas de isolamento forem suspensas ou se a adesão da população diminuir muito, o Brasil pode seguir o cenário dos Estados Unidos, chegando a 267 mil casos, que seria o pior caso.

Em todos os cenários, a epidemia está em crescimento. Mas, alertam os pesquisadores, a eficácia das medidas de contenção adotadas nas últimas semanas pode influenciar na desaceleração das taxas nos próximos dias. O número total de casos registrado nesta sexta-feira já indica uma taxa de crescimento menor do que a de outros países analisados.

No estado de São Paulo, que reúne 44% dos casos no Brasil, as projeções para o próximo dia 20 variam de 11.154 a 26.777. No Rio, a variação seria de 3.156 a 7.576.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade