Publicidade

Estado de Minas GERAL

Internautas sugerem boicote à Natura após campanha com casais homossexuais

Usuários repudiaram a campanha, afirmando que 'a propaganda foi desnecessária', não respeita a 'família tradicional brasileira'


postado em 14/05/2019 14:21 / atualizado em 14/05/2019 14:55

(foto: Reprodução/Twitter )
(foto: Reprodução/Twitter )


Divulgada ao público na última segunda-feira, 13, a nova campanha da linha de maquiagem Coleção do Amor da Natura dividiu opiniões. Enquanto alguns internautas apoiaram a proposta de inclusão da marca, outros criticaram a veiculação de propagandas com casais homossexuais.

No Twitter, a hashtag #BoicoteNatura amanheceu entre o assuntos mais comentados da rede social no Brasil. Usuários repudiaram a campanha, afirmando que "a propaganda foi desnecessária", não respeita a "família tradicional brasileira" ou que o público da marca é majoritariamente composto por mulheres conservadoras.

Por outro lado, alguns internautas interpretaram a campanha como uma mensagem de representatividade da comunidade LGBT. "Que comercial maravilhoso", disse uma usuária, enquanto outra esclareceu: "Não é questão de lacrar e querer aparecer. É questão de mostrar que diversidade existe. Que existe mais coisa fora dessa bolha homofóbica que as pessoas criam. Mostrar que ser homossexual, ser diferente, não é doença".

Em nota enviada ao E+, a Natura se posicionou sobre o caso:

"A Natura acredita no valor da diversidade. Isso está expresso em nossas crenças há mais de vinte anos, em nossas campanhas publicitárias, projetos patrocinados e em nosso corpo de colaboradores. Com o lema 'No amor cabem todas as cores', a nova coleção de maquiagem FACES reforça o apoio da marca à causa LGBT , incentivando o orgulho de ser quem é e amar quem quiser."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade