Publicidade

Estado de Minas

Acidente de Boechat: uma trágica coincidência de números

Placa do caminhão atingido pelo helicóptero tem data de nascimento do jornalista


postado em 12/02/2019 12:43 / atualizado em 12/02/2019 13:32

(foto: MARCELO GONÇALVES/ESTADÃO CONTEÚDO)
(foto: MARCELO GONÇALVES/ESTADÃO CONTEÚDO)

Uma coincidência trágica de números aumenta ainda mais a perplexidade em torno da morte de Ricardo Boechat.

A placa do caminhão atingido pelo helicóptero em que viajava o âncora da Band tem a data de nascimento do jornalista.

O caminhão, de Caxias do Sul, é identificado pela placa IVT-0137 e Boechat nasceu em 13/7, no ano de 1952.

O acidente aconteceu nessa segunda-feira (11), no Rodoanel de São Paulo, pouco depois do meio-dia.

Boechat, de 66 anos, e o piloto Ronaldo Quattrucci, de 56, morreram no local. O motorista do caminhão, João Adroaldo Tomackeves, de 52 anos, ficou ferido e foi hospitalizado.

Boechat tinha voado para Campinas, onde deu uma palestra numa empresa farmacêutica. Na volta, uma pane no motor descontrolou a aeronave. O piloto tentou um pouso de emergência na pista da via expressa, mas não conseguiu evitar o choque com o caminhão.

O corpo de Boechat vai ser cremado nesta terça-feira, às 16h. Ele está sendo velado no Museu da Imagem e do Som, na capital paulista, onde centenas de pessoas se despedem do jornalista.
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade