Publicidade

Estado de Minas GERAL

Casa Hope pede ajuda para manter crianças com câncer estudando


postado em 10/02/2019 15:27

A Casa Hope, instituição filantrópica que apoia crianças e adolescentes com câncer, bem como seus familiares, lançou um pedido de ajuda para encontrar um novo patrocinador a fim de manter a escola do local funcionando.

Com capacidade para atender 200 crianças e jovens, a ONG apoia pacientes e famílias por meio de hospedagem, alimentação transporte e ensino gratuitos.

No entanto, a perda parcial do patrocínio coloca em risco a volta às aulas este ano. A presidente da organização, Claudia Bonfiglioli, gravou um vídeo, divulgado nas redes sociais, em que explica a situação.

"Perdemos parte do patrocínio da nossa escola, que seria a educação infantil, de onde vêm as crianças menores de mais baixa renda que ficam conosco enquanto terminam o tratamento. É muito difícil as crianças terem que interromper os estudos e ficar aqui para o tratamento e não ter acompanhamento pedagógico", disse.

A Casa Hope dispõe de estrutura para os quatro ciclos escolares - infantil, fundamental I e II e ensino médio. "É necessária uma média de 12 mil reais mensais para garantir as aulas em cada ciclo, por isso estamos apelando aos empresários e pessoas físicas", declarou a dirigente em comunicado enviado à imprensa.

Muitas crianças saem de outras cidades para fazer o tratamento em São Paulo, o que implica perder temporariamente o convívio com familiares, amigos e escola. O ensino na instituição não cumpre apenas o papel de evitar o atraso escolar.

"Ajuda (também) no pleno tratamento do câncer, pois 'descentraliza' o foco na doença. Faz-se importante o desenvolvimento de projetos que venham suprir essas necessidades e restabelecer a rotina e processo de ensino/aprendizado dessas crianças e adolescentes a fim de oferecer nova perspectiva de vida", diz Janice Schmidt, diretora pedagógica da escola da Casa Hope.

Janice afirma que a oportunidade de frequentar as aulas recupera o ânimo, a esperança, a confiança e a perspectiva de futuro das crianças e adolescentes. "Situação que, sem dúvida, impacta positivamente no tratamento", destaca.

Nos últimos quatro anos, a Casa Hope não pôde garantir as aulas para estudantes do ensino fundamental II e ensino médio. Os interessados em patrocinar os projetos que beneficiam os pacientes com câncer em tratamento no local podem realizar doações entrando em contato pelo telefone (11) 5056-9700, ramal 778, ou pelo e-mail faleconosco@hope.org.br.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade