Publicidade

Estado de Minas GERAL

Moradores da zona oeste de SP relatam trovão intenso na madrugada


postado em 19/12/2018 17:38

Moradores da zona oeste de São Paulo relataram que ouviram, na madrugada desta quarta-feira, 19, um forte estrondo de trovão na sequência de um raio. As zonas oeste e norte da cidade registraram intensa atividade elétrica durante toda a madrugada.

A publicitária Vanessa Raad, de 42 anos, moradora do terceiro andar de um prédio na Vila Romana, zona oeste, conta que acordou por volta das 2 horas com um barulho muito alto. "Achei que fosse uma explosão. A descarga elétrica foi tão intensa que o prédio tremeu e o espelho do lavabo caiu e quebrou", disse Vanessa.

A moradora da Lapa, na zona oeste, Cristina Senger, de 43 anos, conta que, por causa do raio que caiu na madrugada, o sistema elétrico do portão automático do prédio queimou.

"Estava dormindo e ouvi um barulho extremamente alto por volta das 2 horas. Levei um susto. Fui ver na janela e percebi que vários alarmes de carros estavam disparados e hoje pela manhã o portão elétrico do meu prédio não funcionava", conta Cristina.

O professor do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG) da Universidade de São Paulo (USP) Carlos Augusto Morales disse que nesta época de transição da primavera para o verão há fortes incidências de chuvas e tempestades elétricas.

"Pelos relatos do estrondo, o raio deve ter caído próximo dessas pessoas. O barulho alto aumenta a sensação de que o raio é mais forte. No entanto, a intensidade do raio não é identificada pelo barulho e sim pela corrente elétrica que pode variar até 100 mil ampéres", explicou Morales.

Segundo o IAG, por ano cerca de 160 milhões de raios caem no Brasil. O Estado de Mato Grosso é o campeão com 27,7 milhões de incidências de raios por ano. O Estado de São Paulo registra a queda de cerca de 7 milhões de raios por ano.

De acordo com o IAG, a cidade de São Paulo registrou a queda de 910 raios na madrugada desta quarta-feira. Os bairros com maior incidência foram: Anhanguera (310), Perus (180), Jaraguá (140) e Tremembé (110). Na madrugada de terça-feira, 18, 1935 raios caíram em São Paulo e durante as 24 horas, caíram no total 2339 raios.

O calor vai continuar em São Paulo e há possibilidade de temporais isolados, que podem vir com raios e rajadas de vento de até 80km/h, segundo informações da Climatempo.

"É muito comum nessa época ter um aumento de instabilidade na atmosfera e por causa disso aumenta a nebulosidade e ocorrem as pancadas de chuvas no período da tarde e da noite", disse João Basso, meteorologista da Climatempo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade