Publicidade

Estado de Minas

O dia seguinte de um bairro de Manaus destruído pelo fogo

Incêndio no Educandos atingiu centenas de casas. Não houve mortes, mas muitas pessoas ficaram intoxicadas


postado em 19/12/2018 09:00 / atualizado em 19/12/2018 10:46

(foto: Michael Dantas / AFP)
(foto: Michael Dantas / AFP)

O "day after" no bairro destruído por um incêndio é de assustar. Cerca de 600 casas de madeira no bairro Educandos, na zona sul de Manaus, gforam queimadas. Mas não houve vítimas fatais.


O incêndio começou na segunda-feira à noite e foi controlado depois da meia-noite pelos bombeiros, relatou a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas.


"Foram mais de três horas de um intenso trabalho de combate, que envolveu todo o efetivo da capital e reforços da Região Metropolitana de Manaus", acrescentou.


Os serviços de emergência informaram a hospitalização de 17 pessoas, incluindo uma mulher de 53 anos com intoxicação grave por inalação de fumaça.

(foto: Michael Dantas / AFP)
(foto: Michael Dantas / AFP)


Centenas de moradores abandonaram suas casas em meio a cenas de pânico, tentando salvar seus pertences, informou um fotógrafo da AFP.


Os bombeiros tiveram dificuldades para abrir passagem entre as estreitas ruas do bairro e precisaram usar caminhões de reboque para tirar os carros estacionados no caminho.


As informações preliminares apontam que o incêndio foi iniciado pela explosão de uma panela de pressão. O forte vento que soprava durante a noite ajudou a propagar as chamas.


"Esse pode ser o maior incêndio urbano da cidade de Manaus", comentou o secretário adjunto da Defesa Civil do Estado, Hermógenes Rabelo.

(foto: Michael Dantas / AFP)
(foto: Michael Dantas / AFP)
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade