Publicidade

Estado de Minas GERAL

Cirurgia é opção para problema nos nervos


postado em 24/09/2018 07:51

Uma técnica de neuromodulação recém-chegada ao Brasil traz esperança para os pacientes com um dos tipos de dor crônica mais difíceis de tratar: a neuropática. Esse tipo de desconforto ocorre quando a lesão está nos nervos, medula ou no próprio cérebro.

A nova técnica, chamada de estimulação dos gânglios da raiz dorsal, é indicada para casos de dor neuropática em nervos periféricos. Por meio dela, o cirurgião implanta um eletrodo ligado a uma bateria que gera estímulos para uma parte do nervo espinhal responsável por "repassar a mensagem" de dor para o cérebro. É como se essa região fosse bloqueada e deixasse de mandar esses sinais.

A primeira cirurgia do tipo a ser realizada no Brasil deverá ocorrer nas próximas semanas, no Hospital do Coração (HCor), em São Paulo, e será conduzida pelo neurocirurgião Guilherme Lepski, médico da instituição e professor livre-docente da Faculdade de Medicina da USP. Ele já realiza a técnica na Alemanha, onde também é docente na Universidade de Tubingen. O paciente brasileiro que será operado no HCor sofre de dor neuropática causada por uma lesão no nervo ciático que gera dor e queimação na perna inteira.

"Fora do País, faço essa técnica há cerca de cinco anos. Fizemos uma pesquisa com 62 pacientes na Alemanha em que observamos superioridade dela em comparação com outras existentes", conta ele. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade