Publicidade

Estado de Minas GERAL

Vídeo mostra alunos agredindo e humilhando professor em Rio das Ostras (RJ)


postado em 20/09/2018 20:55

Um professor foi agredido e humilhado por alunos dentro de uma sala de aula do Centro Integrado de Escola Pública (Ciep) Mestre Marçal, em Rio das Ostras, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro. O caso aconteceu na terça-feira, 18, durante a realização de uma prova. As agressões foram filmadas por um dos alunos da turma, e o vídeo circula pelas redes sociais.

O vídeo tem cerca de três minutos. Nele, é possível ver um dos estudantes arremessando uma pochete em direção ao professor. Em determinado momento, um aluno rasga uma das provas. O professor de Língua Portuguesa Thiago dos Santos Conceição, de 31 anos, também é empurrado e xingado.

As agressões aconteceram em uma turma do 9º ano. À Inter TV, o secretário de Educação de Rio das Ostras, Maurício Henriques Santana, afirmou que os pais dos alunos estão sendo chamados. Disse ainda que o professor, que se diz muito abalado, será transferido para outra turma dentro do próprio Ciep. Ele também está recebendo apoio jurídico e psicológico.

À TV Globo, Thiago Conceição, que leciona há dez anos, disse que as agressões eram constantes.

"Eu desejo continuar com a minha profissão, mas temo pela minha vida", declarou. "Hoje eu me sinto frustrado. Triste por não ter conseguido mudar aquela situação. Por não ter deixado aquele legado para os estudantes. É humilhante estar no seu trabalho e ter que renunciar a isso."

Em nota, a Secretaria de Educação de Rio das Ostras informou que "segundo a direção da escola, a turma é formada por alunos que vieram transferidos de outra unidade de ensino, e muitos deles são indisciplinados". "No entanto, ainda não tinham sido registrados episódios como os ocorridos nesta semana."

A pasta declarou ainda que todos os envolvidos foram suspensos e que outras medidas socioeducativas estão sendo analisadas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade