Publicidade

Estado de Minas GERAL

Ato contra falta de recursos para Museu Nacional lota a Cinelândia, no Rio

A manifestação na Cinelândia fechou ruas da região e chegou a afetar o tráfego do VLT, mas sem interromper completamente o serviço


postado em 03/09/2018 20:47 / atualizado em 03/09/2018 21:54

O incêndio de grandes proporções destruiu o acervo do Museu Nacional, na zona norte do Rio(foto: Daniel RAMALHO / AFP )
O incêndio de grandes proporções destruiu o acervo do Museu Nacional, na zona norte do Rio (foto: Daniel RAMALHO / AFP )
Manifestantes lotaram a Cinelândia, no centro do Rio, no fim da tarde desta segunda-feira, 3, em protesto contra a falta de recursos para o Museu Nacional. O prédio histórico, que teve boa parte de sua estrutura consumida por um incêndio na noite deste domingo, 2, completou 200 anos em junho. A estimativa é de que até 90% de seu acervo tenha sido queimada.

A manifestação na Cinelândia fechou ruas da região e chegou a afetar o tráfego do VLT, mas sem interromper completamente o serviço. Houve um princípio de confusão no início da noite, mas ele foi contornado antes mesmo da chegada da polícia.

O incêndio de grandes proporções destruiu o acervo do Museu Nacional, na zona norte do Rio, na noite deste domingo. O fogo começou por volta das 19h30 e durou até por volta de 2 horas da manhã desta segunda-feira. Após o exaustivo combate às chamas, prejudicado pela falta de água nos hidrantes da instituição, iniciou-se ainda na madrugada o trabalho de rescaldo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade