Publicidade

Estado de Minas

Em Osasco, dois cobradores são presos por suposta ameaça


postado em 22/05/2014 16:49

São Paulo, 22 - Dois cobradores de Osasco que participavam da paralisação de ônibus foram presos nesta quinta-feira, 22, pela Polícia Militar sob suspeita de ameaça. De acordo com a PM, os dois homens ameaçaram com arma de fogo motoristas e passageiros que tentavam embarcar em um coletivo da cidade.

Os dois homens foram levados para a Delegacia Seccional de Osasco, que será responsável pela investigação. Eles foram reconhecidos como funcionários pelas pessoas que estavam no local.

Segundo o prefeito de Osasco, Jorge Lapas, pelo menos 65% da população do município está sem transporte desde quarta-feira, 21, quando a paralisação foi iniciada.

A paralisação foi organizada por uma dissidência do sindicato dos motoristas de Osasco que diz não ter sido consultada pelos sindicalistas sobre o acordo de reajuste feito com as empresas. Eles pedem 15% de aumento, enquanto empresas e sindicato fecharam reajuste de 8%.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade