Publicidade

Estado de Minas

PM vai intensificar ações contra facção criminosa que atacou UPP na Penha

Atentado resultou na morte de uma soldado de 28 anos. Outro militar foi baleado na perna


postado em 03/02/2014 22:10

A Polícia Militar (PM) fez durante toda a segunda-feira uma grande operação em 12 comunidades da capital fluminense, Baixada Fluminense e região metropolitana do Rio em áreas dominadas pela mesma facção criminosa que atacou, nesse domingo (2), a Unidade de Polícia Pacificadora (UPP), na Vila Cruzeiro, na Penha, que resultou na morte da soldado da PM, Alda Castilho, 28 anos, em frente à base da UPP.

Vários homens armados de fuzis automáticos desceram de um carro e fizeram disparos contra dois militares, que estavam na frente da unidade. Alda levou um tiro de fuzil, na barriga e não resistiu ao ferimento, morrendo momentos depois de chegar ao Hospital Getúlio Vargas, na Penha. O outro militar que estava com ela, o soldado Marcelo Gilliard, levou um tiro na perna e está internado no hospital da corporação.

Na ação desta segunda-feira, um suspeito morreu, nove pessoas foram presas e um adolescente foi apreendido. A PM também apreendeu grande quantidade de armas e drogas. Nas comunidades Cajueiro, Faz Quem Quer e Congonha, em Madureira, na zona norte, foram presos oito criminosos. Um homem - ainda não identificado - morreu durante troca de tiros. Outro ficou ferido e foi socorrido no Hospital Carlos Chagas, em Marechal Hermes, onde está preso sob custódia. Um adolescente também foi detido na ação. A PM apreendeu dois fuzis, três pistolas, dois revólveres, além de drogas, rádios transmissores e um colete a prova de balas.

Nas comunidades Cidade Alta e Furquim Mendes, em Cordovil, um homem foi preso com 1.938 cápsulas de cocaína, 115 trouxinhas de maconha, 199 pedras de crack, 60 frascos de cheirinho da loló e nove comprimidos de ecstasy. Um saco com 300 gramas de cocaína, um rádio transmissor e quatro motocicletas também foram apreendidas.

Em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, policiais prenderam um homem no Parque das Missões com R$ 2.500 em espécie, acusado de ligação com o tráfico de drogas na comunidade Danon. Dez motocicletas foram apreendidas.

Em Niterói, a PM fez operações nas comunidades Lagoinha, Brasília e Viradouro. Foram apreendidos um tonel com 50 litros de cheirinho da loló, um rádio transmissor e um carregador com balsa de calibres para fuzil. Um homem foi preso.

No morro do Chapadão, na Pavuna, o Comando de Operações Especiais (COE) apreendeu uma adolescente com uma motocicleta e 197 sacolés de cocaína. Também foram apreendidos cinco tabletes de maconha e dois galões de cheirinho da loló. As operações da PM vão prosseguir diariamente em várias comunidades da região metropolitana do Rio, por decisão da Secretaria de Segurança Pública.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade