Publicidade

Estado de Minas

Secretária acusa Palácio do Planalto por poluição no Lago Paranoá em Brasília


postado em 22/01/2014 12:49

Segundo secretaria, caldeira de restaurante do Palácio do Planalto deixou vazar óleo no Lago Paranoá porque está velha (foto: Antonio Cunha/Esp. CB/D.A Press)
Segundo secretaria, caldeira de restaurante do Palácio do Planalto deixou vazar óleo no Lago Paranoá porque está velha (foto: Antonio Cunha/Esp. CB/D.A Press)
O óleo que poluiu o Lago Paranoá na última sexta-feira (17/1) vazou da caldeira do restaurante localizado dentro do Palácio do Planalto, segundo informações divulgadas nesta quarta-feira (22/1), pela Secretaria do Meio Ambiente do Distrito Federal. O palácio será autuado e a multa pode chegar a R$ 50 mil. De acordo com a secretaria, o lago já foi descontaminado. Um laudo que ficará pronto em 10 dias deve confirmar a origem do vazamento apontado. A secretaria acredita que o vazamento ocorreu porque as caldeiras que atendem os estabelecimentos próximo ao Lago Paranoá são velhas. A recomendação é que os equipamentos velhos sejam trocados.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade