Publicidade

Estado de Minas

Vazamento de óleo que atinge Lago Paranoá em Brasília já dura mais de 20 horas

A mancha parte de uma galeria de drenagem pluvial localizada próximo ao Iate Clube, no Lago Norte, e já chega a Concha Acústica


postado em 17/10/2013 12:07

Técnico vistoria Lago Paranoá, atingido por mancha de óleo(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
Técnico vistoria Lago Paranoá, atingido por mancha de óleo (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)

Moradores que passaram pelo Lago Paranoá nesta manhã de quinta-feira (17/10) encontraram uma imensa mancha de óleo nas águas. O Instituto Brasília Ambiental (Ibram) enviou técnicos para avaliar a situação do lago. A mancha parte de uma galeria de drenagem pluvial localizada próximo ao Iate Clube, no Lago Norte, e já chega a Concha Acústica.

A mancha de óleo no Lago Paranoá está localizada próximo ao Iate Clube, no Lago Norte(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
A mancha de óleo no Lago Paranoá está localizada próximo ao Iate Clube, no Lago Norte (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
De acordo com funcionários do clube, o vazamento ocorre desde às 16h de quarta-feira (16/10), mas somente hoje o Corpo de Bombeiros teve conhecimento do problema. A corporação informou que o óleo é derivado do petróleo. Os bombeiros colocaram boias de contenção para evitar que o óleo se espalhe pelo lago.

O superintendente de Licenciamento e Fiscalização do Ibram, Aldo Fernandes, disse que técnicos instituto avaliam a área atingida pelo óleo. A Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), a Caesb e a Marinha do Brasil também enviaram equipe de fiscais para o local. A Marinha do Brasil anunciou que dará mais informações sobre o caso em uma nota à imprensa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade