Publicidade

Estado de Minas CHECAMOS

Frase creditada a Lula sobre políticos e funcionários públicos foi distorcida

Postagens com a mesma alegação foram compartilhadas desde, pelo menos, 19 de setembro de 2016


15/04/2021 20:09 - atualizado 15/04/2021 20:09


 

Captura de tela feita em 14 de abril de 2021 de uma publicação no Facebook
Captura de tela feita em 14 de abril de 2021 de uma publicação no Facebook
Uma frase que teria sido dita pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) comparando políticos corruptos a funcionários públicos - “Mesmo o político ladrão é mais digno que um funcionário público concursado” - voltou a circular nas redes sociais desde o último 23 de janeiro, somando mais de 49 mil compartilhamentos. Mas, apesar de Lula ter feito uma comparação entre as duas classes, sua declaração de setembro de 2016 foi distorcida: em discurso, o ex-presidente disse que o político, mesmo que seja ladrão, tem que “encarar o povo e pedir voto”, enquanto o concursado não. 

 

“Não deixe cair no esquecimento a frase de Lula sobre concursados… ‘Mesmo o político ladrão é mais digno que um funcionário público concursado’ Lula 16/09/2016”, diz o texto na imagem das publicações compartilhadas em diferentes formatos no Facebook (1, 2, 3), no Instagram e no Twitter.

 

Postagens com a mesma alegação foram compartilhadas desde, pelo menos, 19 de setembro de 2016. 


Uma busca no Google pela declaração exata atribuída a Lula - Mesmo o político ladrão é mais digno que um funcionário público concursado”  - não levou a qualquer registro de que ele a tenha pronunciado. 

 

Com uma nova consulta, desta vez com as palavras “Lula”, “político”, “funcionário público” e a data “16 de setembro de 2016”, vista nas postagens, encontrou-se uma notícia de jornal sobre as repercussões da comparação feita pelo ex-presidente entre “político ladrão” e servidores concursados. A matéria destaca a frase de Lula: 

 

"Eu de vez em quando falo que as pessoas achincalham muito a política, mas a posição mais honesta é a do político, sabe por quê? Por que todo ano, por mais ladrão que ele seja, ele tem que ir pra rua encarar o povo e pedir voto. O concursado não. Se forma na universidade, faz um concurso e tá com um emprego garantido para o resto da vida"

 

A declaração do político do PT foi feita em uma coletiva de imprensa, no dia 15 de setembro de 2016, depois que o Ministério Público o denunciou por corrupção e lavagem de dinheiro. 

 

Em um vídeo dessa coletiva transmitida ao vivo no YouTube é possível assistir o momento em que o ex-presidente faz a comparação:

Além disso, em nenhum outro momento da gravação, que foi transmitida ao vivo, a frase viralizada é pronunciada pelo petista. 

 

O AFP Checamos tem verificado várias postagens nas redes sociais envolvendo Lula (1, 2, 3, 4) desde que o ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin, anulou suas condenações no âmbito da Operação Lava-Jato. Com a anulação, o petista recuperou seus direitos políticos e, caso não seja novamente condenado, estará apto a disputar as eleições presidenciais de 2022.

 

Um conteúdo semelhante também foi apurado pelo Estadão Verifica


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade