UAI
Publicidade

Estado de Minas LONDRES

Boris Johnson diz que acordo da COP26 tem um pouco de decepção

Primeiro-ministro britânico celebrou aprovação do Pacto de Glasgow para a proteção do meio ambiente, mas afirmou que alegria está ''tingida de decepção''


14/11/2021 14:58 - atualizado 14/11/2021 16:55

foto mostra o primeiro ministro britânico Boris Johnson falando em conferência em Londres
Boris Johnson disse que a COP-26 marcou o início do fim do uso do carvão como fonte de energia (foto: Daniel Leal/Pool/AFP)

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, se mostrou satisfeito com a  aprovação, no sábado (13/11) pela COP-26, do "Pacto de Glasgow  para o clima", que tem como objetivo acelerar o combate contra o aquecimento global, mas admitiu que a alegria está "tingida de decepção".

"Minha alegria com o progresso está tingida de decepção", declarou hoje Johnson, em referência "àqueles para os quais a mudança climática já é uma questão de vida ou morte".

"Exigiam para esta reunião de cúpula um alto nível de ambição. E embora muitos estivessem dispostos a fazê-lo, não era o caso de todos", completou.

"Podemos estimular, mas não podemos obrigar nações soberanas a fazer algo que não querem fazer. É decisão delas", completou



Apesar dos comentários, ele disse que está "imensamente orgulhoso" do acordo concluído.

"Glasgow marcou o início do fim para a energia procedente do carvão. É uma conquista fantástica e apenas uma das muitas da COP", disse Johnson.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade