UAI
Publicidade

Estado de Minas LOS ANGELES

Tribunal retira do pai de Britney Spears tutela da cantora


29/09/2021 22:32 - atualizado 29/09/2021 22:37

O pai da cantora Britney Spears perdeu a tutela judicial com a qual controlava a vida da filha havia 13 anos, segundo decisão de um tribunal de Los Angeles anunciada nesta quarta-feira (29).

A suspensão de Jamie Spears tem efeito imediato. Ele será substituído por um tutor provisório "no melhor interesse" de Britney Spears, decidiu a juíza Brenda Penny.

"O senhor Spears deve entregar todos os seus ativos e poderes como tutor", disse Penny. James Spears "é um homem cruel, tóxico e abusivo", afirmou na corte o advogado de Britney, Mathew Rosengart.

- 'Abusivo' -

O polêmico acordo, que a princesa do pop considerava "abusivo", foi decretado em 2008 depois que a cantora agrediu um paparazzo em um posto de gasolina e foi entregue a Jamie Spears o controle financeiro e pessoal da filha.

Seu advogado tinha pedido esta semana a retirada imediata de Jamie Spears em uma petição apresentada à justiça. "Cada dia que passa com ele como tutor, cada dia e cada hora (...) causam angústia e dor em sua filha", afirma o texto.

Suas opiniões encontraram apoio no documentário "Controlling Britney Spears" ("Controlando Britney Spears"), do jornal The New York Times, lançado na sexta-feira (24). O filme revela que Jamie Spears instalou equipamentos escondidos de vigilância no quarto de Britney para ouvir suas conversas. "Isso realmente me lembra alguém que está na prisão", disse um ex-funcionário de uma empresa de segurança aos autores do documentário.

O advogado Mathew Rosengart afirmou que o documentário revela "violações horríveis e excessivas da privacidade de sua filha adulta" por parte de Jamie Spears.

Outro documentário, "Britney vs. Spears", da Netflix, lançado na terça-feira (28), observa que Britney tentou duas vezes contratar seu próprio advogado no início da guarda, mas isso foi-lhe negado.

Ela finalmente conseguiu nomear Rosengart como seu advogado em julho e, em agosto, seu pai entrou com uma petição para encerrar a tutela da cantora.

- 'Free Britney' -

Nesta quarta-feira, um grupo de fãs da cantora fechou uma rua para se manifestar em favor dela. "Free Britney!" pediam vários cartazes. Outros chegaram com horas de antecedência para conseguir um lugar na sala onde foi celebrada a audiência, que ficou completamente lotada.

Os representantes de Britney e seus fãs acusaram seu pai de se beneficiar economicamente da tutela, que lhe foi imposta depois que ela sofreu um colapso nervoso em 2007, quando raspou a cabeça e atacou o paparazzo em um posto de gasolina.

Enquanto isso, Jamie Spears se mostrou contrário à proposta da filha de escolher um tutor provisório para substituí-lo, dizendo que o contador público John Zabel não tinha a experiência necessária, de acordo com versões publicadas na imprensa americana esta semana.

Por outro lado, os advogados da cantora dizem que seu pai "nunca esteve à altura", citando em sua petição alegações de suposto alcoolismo e "o trauma que causou em sua filha desde a infância".

- 'Nas nuvens' -

Após a decisão, Britney publicou um vídeo como copiloto de um avião, sem fazer referência à decisão da Justiça. "No céu agora mesmo!!!! Primeira vez pilotando um avião e primeira vez em um avião a jato." Em 20 minutos, a publicação teve mais de 6 mil comentários.

"'Free Britney'! Parabéns !!!!!!!!!", publicou Sam Asghari, também no Instagram. O treinador divulgou uma foto que mostra duas mãos - aparentemente as do casal - segurando uma rosa, e a imagem de uma leoa com a legenda "O poder da leoa !!!!!" "Ela conseguiu. Sua base de seguidores é chamada de 'exército' por uma razão."


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade