Publicidade

Estado de Minas WASHINGTON

Gigante dos videogames EA denuncia roubo de código-fonte


10/06/2021 19:14

A gigante dos videogames Electronic Arts (EA) revelou nesta quinta-feira (10) que hackers roubaram o código-fonte e outras ferramentas de software, mas é improvável que o ataque tenha impacto sobre os jogadores ou as operações comerciais da empresa.

A EA admitiu ter sido vítima do roubo depois que o site Vice Media relatou que hackers haviam pegado o código-fonte usado em jogos; entre eles o do FIFA 21, e o motor Frostbite que é usado em vários jogos da EA.

"Estamos investigando um recente incidente de intrusão em nossa rede, onde um número limitado de fontes de jogos e ferramentas relacionadas foram roubadas", declarou um porta-voz da EA.

"Nenhum dado do jogador foi acessado e não há razão para acreditar que existam riscos para a privacidade dos jogadores", acrescentou.

A EA garantiu estar trabalhando "ativamente" com autoridades e especialistas "como parte de uma investigação criminal".

A Vice Media relatou que os hackers se gabaram do ataque em fóruns clandestinos na internet e uma de suas postagens supostamente dizia ter " a capacidade total para explorar todos os serviços da EA".

Os cibercriminosos promoveram a venda do material roubado em fóruns da deep web, de acordo com o relatório.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade