Publicidade

Estado de Minas WASHINGTON

'Grandes fluxos de migrantes na fronteira' com o México, afirma alto funcionário dos EUA


06/05/2021 18:53

O fluxo de migrantes que chegam à fronteira sul dos Estados Unidos continua alto, afirmou um alto funcionário dos Estados Unidos nesta quinta-feira (6), na véspera da divulgação dos números de abril, depois que o número de prisões atingiu o pico de 15 em março.

"Continuamos a ver grandes fluxos de migrantes em nossa fronteira sul", disse o alto funcionário, que pediu anonimato.

Em março, o Departamento de Alfândega e Proteção de Fronteiras dos Estados Unidos (CBP) registrou um aumento de 71% na detenção de migrantes sem documentos na fronteira, em comparação com o mês anterior, elevando as prisões a um recorde dos últimos 15 anos.

O número de menores desacompanhados registrou aumento de 100% em um mês, somando mais de 18.890 crianças.

Esse aumento gerou duras críticas dos republicanos, que apontam que há uma "crise" na fronteira e acusam o governo de Joe Biden de ter incentivado os migrantes a tentarem entrar nos Estados Unidos.

O alto funcionário americano observou que o número de crianças sob custódia do CBP foi reduzido de um pico de cerca de 5.500 no final de março para um nível entre 600 e 750 menores.

Biden nomeou a vice-presidente Kamala Harris como encarregada de administrar o crescente fluxo de migrantes do Triângulo Norte (Honduras, Guatemala e El Salvador) para a fronteira americana, com foco em lidar com as raízes do êxodo em massa.

Harris terá encontro virtual com o presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, nesta sexta-feira e, nos dias 7 e 8 de junho, viajará ao México e à Guatemala em sua primeira viagem ao exterior desde que assumiu o cargo.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade