UAI
Publicidade

Estado de Minas FRANÇA

Duas novas detenções por ataque com faca na cidade de Nice

Já são seis pessoas detidas pela polícia, acusadas de participação no ataque


01/11/2020 07:49 - atualizado 01/11/2020 08:40

(foto: Valery HACHE / AFP)
(foto: Valery HACHE / AFP)
Dois indivíduos de 25 e 63 anos foram detidos, o que eleva a seis o número de pessoas presas no âmbito da investigação sobre o ataque com faca em uma basílica de Nice (sudeste da França) que deixou três mortos, incluindo uma brasileira, na quinta-feira.


Os dois homens foram detidos no sábado à tarde na residência de um indivíduo que havia sido detido algumas horas, informaram fontes judiciais. Este último, um cidadão tunisiano de 29 anos, é suspeito de associação com o agressor, Brahim Issaoui.


Outros três suspeitos já haviam sido detidos na investigação do caso. O agressor, Brahim Issaoui, um tunisiano de 21 anos, gravemente ferido por policiais, ainda não teve condições de ser interrogado. De acordo com fontes francesas e italianas, Issaoui chegou ilegalmente a Europa, passando pela ilha de Lampedusa (Itália), porto habitual para os migrantes ilegais, em 20 de setembro.

Na quinta-feira, às 8h29 locais ele entrou na basílica Notre-Dame de Nice, onde, armado com uma faca, atacou várias pessoas que estavam no templo. A polícia municipal de Nice o neutralizou às 8h57. Gravemente ferido por tiros dos agentes, Issaoui está hospitalizado. Em menos de meia hora ele matou três pessoas, incluindo a brasileira Simone Barreto Silva, 44 anos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade