Publicidade

Estado de Minas

Geleiras suíças derretem a um ritmo preocupante, afirma estudo


16/10/2020 06:25

As geleiras suíças continuaram derretendo este ano a um ritmo preocupante e nunca antes houve um acúmulo tão pequeno de neve na maior geleira dos Alpes, alerta um estudo publicado nesta sexta-feira.

No total, as geleiras suíças perderam 2% de seu volume este ano, de acordo com o estudo anual da Academia Suíça de Ciências.

O número está dentro da média dos últimos 10 anos, mas são igualmente "muito preocupantes", explicou à AFP Matthias Huss, autor do estudo e diretor da rede de vigilância das geleiras GLAMOS.

"Estes números são um pouco menores que os dos últimos três anos, quando tivemos temperaturas muito elevadas, mas as geleiras perderam muita massa", destaca o cientista.

Uma das medidas que mais preocupam é a da Aletsch, a maior geleira dos Alpes, que "este ano registrou o menor acúmulo de neve" em pouco mais de 100 anos, quando começaram os cálculos, destaca Huss.

A geleira, que se estende por 86 km2 e se estima que contém 11 bilhões de toneladas de gelo, viu sua frente recuar cerca de 1 km desde o início do século.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade