UAI
Publicidade

Estado de Minas PARCERIA

Castração: cães em situação de rua serão atendidos em Uberlândia

As castrações serão com microchipagem e voltadas para animais em situação de rua e resgatados por tutores cadastrados


19/07/2022 13:23 - atualizado 19/07/2022 13:23

Parceiros assinam contrato de serviço de castração em Uberlândia
Parceiros assinam contrato de serviço de castração em Uberlândia (foto: Valter de Paula/SECOM/PMU)
Uma ONG e uma clínica assinaram na segunda-feira (18/7) contrato com a prefeitura de Uberlândia para execução de castração e microchipagem de animais de estimação no município do Triângulo Mineiro. O serviço começará já em agosto e é voltado aos animais em situação de rua e resgatados por tutores cadastrados junto ao Município.
 
Já foram emitidas as primeiras ordens de serviço para o próximo mês. O Instituto SOS Pet e a Clínica Veterinária Pet House foram os primeiros credenciados.
 
As castrações com microchipagem para identificação de cães e de gatos terão orientações quanto à guarda responsável e demais esclarecimentos sobre doenças infecciosas transmitidas de animais para os seres humanos. O projeto quer atingir 5,5 mil esterilizações cirúrgicas por ano. O orçamento para o trabalho é de R$ 1,2 milhão.
 
Segundo o diretor do Zoológico Municipal e um dos coordenadores do projeto, Amado Júnior, o serviço de castração gratuita será completo dentro de uma lista com quase 4 mil tutores e pessoas de baixa renda.
 
“Neste primeiro momento, atuaremos com esta lista fazendo a convocação por SMS e disponibilizando o processo que é completo. O animal que será castrado receberá o que for necessário no pré e pós cirurgia, como, por exemplo, a roupa cirúrgica. Além disso, o responsável terá todas as recomendações para a saúde do cão ou gato, evitando assim, as doenças, além de informações primordiais sobre adoção e guarda responsável, educando o tutor contra o abandono que é crime”, disse.
 
Entre 2009 e 2021, por meio de convênio com o Hospital Veterinário da Universidade Federal de Uberlândia, houve quase 17 mil procedimentos de esterilização. O contrato segue vigente mesmo com a nova parceria em aberto.
 

Chamada pública continua

 
Ao mesmo tempo segue em aberto o chamamento público para parceiros até o dia 31 de dezembro. O credenciamento pode ser de clínicas e hospitais médico-veterinários ou Organizações Não-governamentais (ONGs). Interessados devem ir na sede da Secretaria Municipal de Saúde, na avenida Anselmo Alves dos Santos,600, no bairro Santa Mônica.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade