UAI
Publicidade

Estado de Minas ISOLAMENTO

Mais de 3 mil pessoas estão isoladas por conta da COVID em Poços de Caldas

O Secretário de Saúde explicou como as pessoas vêm sendo monitoradas


26/01/2022 20:38 - atualizado 26/01/2022 20:38

imagem aérea da cidade
Unidades de Saúde fazem telemonitoramento para controlar estado de saúde dos pacientes (foto: foto: Prefeitura de Poços de Caldas/Reprodução)
Em boletim epidemiológico atualizado no final da tarde desta quarta-feira (26/1), Poços de Caldas, no Sul de Minas, possui mais de 3 mil pessoas em isolamento domiciliar por conta da COVID-19.
 
No início da tarde, o Secretário de Saúde Carlos Mosconi falou ao Estado de Minas como o monitoramento dessas pessoas é realizado.
 
Na hora da fala, segundo o boletim epidemiológico, Poços tinha 2.976 pessoas em isolamento, este número subiu para 3.371 na noite deste 26 de janeiro.
 
“Temos no município um fluxo para monitoramento, onde os pacientes que são atendidos nos locais que oferecem testagem de COVID-19, após testarem positivo, são notificados para a Vigilância Epidemiológica, que passa os casos para a Unidade Básica de Saúde”, afirma.
 
De acordo com o secretário, todos os casos são positivos e com sintomas leves.
 
Segundo ele, a partir do momento em que o exame confirma o novo caso, a UBS entra em contato por telefone com os pacientes e faz um acompanhamento dentro das condições possíveis.
 
“Havendo um agravamento da situação, a UBS é avisada e o paciente é orientado sobre o que ele deve fazer”, explica.
 
Para Mosconi, o monitoramento é importante pois oferece informações valiosas tanto para as unidades de saúde quanto para o paciente, que fica ciente de como agir.
 
A ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) é de 38,36% - dos 28 leitos ocupados, 11 são por moradores de Poços e 17 por pacientes de outras cidades.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade