Publicidade

Estado de Minas VALE DO JEQUITINHONHA

Bombeiros resgatam idoso que ficou 8 dias perdido em mata

As buscas estavam sendo feitas desde quinta-feira (15/7) pelos Bombeiros de Valadares, com os cães Luna e Bono. O homem foi encontrado na mata, desorientado


19/07/2021 21:34 - atualizado 19/07/2021 21:43

Os bombeiros militares do Canil/PEMAD e o cão Bono, o herói da operação que resgatou o idoso da mata(foto: Divulgação Bombeiros GV)
Os bombeiros militares do Canil/PEMAD e o cão Bono, o herói da operação que resgatou o idoso da mata (foto: Divulgação Bombeiros GV)
O idoso de 67 anos que estava desaparecido em Itaobim, Vale do Jequitinhonha, desde o dia 11/7, foi encontrado nesta segunda-feira (19/7), perdido dentro de uma mata fechada, na zona rural da cidade. Segundo os militares do Corpo de Bombeiros de Governador Valadares, que participaram da operação de salvamento, o idoso estava desnutrido e desorientado.
 
As buscas pelo homem ganharam uma nova dinâmica com a ajuda dos militares do Corpo de Bombeiros de Governador Valadares, que chegaram em Itaobim na quinta-feira (15/7). Além de equipamentos especiais para as buscas, dentre estes, um drone, os militares levaram a cadela Luna e o cão Bono, todos da raça Pastor Alemão.
 
Esses cães são do Canil do Pelotão de Emergências Ambientais e Resposta a Desastres (Canil/PEMAD) e conseguem executar tarefas de busca, substituindo, cada um, cerca de 30 militares, conforme estimativa do comando dos Bombeiros de Valadares. Durante a semana, as buscas foram feitas de forma intensa, sem sucesso.
 
Mas nesta segunda-feira (19/7), os trabalhos começaram cedo, às 4h30, em uma trilha, no sentido de uma chapada de mata, onde havia indícios de pisadas, e que segundo moradores, poderiam ser do idoso.
 
Os militares seguiram pela trilha caminhando por um trecho de 2 quilômetros. De repente, o cão Bono escapou, saindo da trilha, se embrenhando na mata fechada. E começou a latir anunciando a localização do homem.
 
Segundo informação dos Bombeiros, o idoso estava consciente, porém desnutrido e desorientado, com as extremidades dos membros inferiores e superiores apresentando sinais de hipotermia, por ter ficado durante 8 dias e 8 noites ao relento. Ele bebeu água e vestiu uma jaqueta dos Bombeiros, para ser levado de volta pra casa.
 
O herói da operação, o cão Bono, já atuou com sucesso em buscas de pessoas desaparecidas e localização de vítimas soterradas nas cidades de Jaguaraçu e João Monlevade. E teve muito trabalhos no início deste ano, quando localizou várias vítimas soterradas, em Santa Maria de Itabira, durante a tragédia das chuvas.
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade