Publicidade

Estado de Minas VULNERABILIDADE SOCIAL

Araxá lança projeto para ajudar famílias carentes em reformas de suas casas

O Projeto Mãos à Obra vai oferecer gratuitamente materiais de construção e assistência técnica qualificada para milhares de famílias da cidade


19/07/2021 18:38 - atualizado 19/07/2021 18:43

O imóvel selecionado passará por triagem socioeconômica e vistoria por uma equipe de engenharia(foto: Prefeitura de Araxá/Divulgação)
O imóvel selecionado passará por triagem socioeconômica e vistoria por uma equipe de engenharia (foto: Prefeitura de Araxá/Divulgação)
Diante de cerca de 10 mil famílias vivendo na linha da pobreza, a Prefeitura de Araxá lançou o projeto Mãos à Obra, que vai realizar a doação de materiais de construção e assistência técnica qualificada para as pessoas em vulnerabilidade social.
Segundo informações da Prefeitura de Araxá, o interessado que se enquadrar nos critérios do projeto como, por exemplo, ter apenas um imóvel e morar nele, sendo que este precisa fazer parte do projeto Minha Casa, Minha Vida, já pode realizar o seu agendamento para a inscrição no site maosaobra.araxa.mg.gov.br.
 
Com dia e horário marcados, o interessado em fazer parte do projeto será atendido no Setor de Habitação da Secretaria Municipal de Ação Social para realizar a inscrição.
 
O imóvel selecionado passará por triagem socioeconômica e vistoria por uma equipe de engenharia, sendo que quem tiver dificuldade em realizar o agendamento on-line pode procurar ajuda nos Núcleos de Convivência e nos Centros de Referência em Assistência Social (Cras).
 
A secretária municipal de Ação Social, Cristiane Gonçalves Pereira, conta que muitos imóveis de Araxá, principalmente em bairros de baixa renda, foram construídos sem o apoio de um profissional especializado.
 
“E muitas dessas moradias possuem baixa qualidade e podem afetar a saúde dos moradores como, por exemplo, problemas de umidade e falta de ventilação. Muitas dessas casas também estão inacabadas ou o proprietário utilizou um material não adequado na construção”.
 
Araxá tem cerca de 110 mil habitantes, sendo que aproximadamente 10 mil famílias estão registradas no Cadastro Único (CadÚnico), ou seja, pelo menos 10% da população está na linha de pobreza.
 
De acordo com dados da Secretaria de Ação e Promoção Social de Araxá, de janeiro de 2021, 4.552 famílias que vivem na cidade se enquadram na situação de extrema pobreza, ou seja, são famílias que vivem com uma renda per capita inferior a R$ 82 por mês.
 
E segundo informações da Prefeitura de Araxá, em 2015 o déficit de habitação em Araxá era de 4.450 pessoas, sendo que, depois deste ano, ainda não foi atualizado este déficit.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade