Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Vacinação em Minas: veja quantas pessoas foram vacinadas na sua cidade

Segundo a SES-MG, 26,52% da população recebeu a primeira dose do imunizante contra a COVID-19


18/06/2021 14:45 - atualizado 18/06/2021 16:07

Em Minas, 6.018.587 pessoas receberam a primeira dose da vacina; desse total, 2.613.670 já receberam as duas doses(foto: Pixabay/Reprodução)
Em Minas, 6.018.587 pessoas receberam a primeira dose da vacina; desse total, 2.613.670 já receberam as duas doses (foto: Pixabay/Reprodução)
Pelo menos 26,5% da população de Minas Gerais já recebeu a primeira dose da vacina contra a COVID-19. A informação é da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), que atualizou, nesta sexta-feira (18/6), os números que mostram o avanço da imunização no estado.

Segundo o órgão, 6.018.587 pessoas receberam a primeira dose. Desse total, 2.613.670 já receberam as duas doses. Isso significa que 12,26% dos mineiros estão completamente imunizados.

 Algumas cidades mineiras que mais vacinaram:

  • Belo Horizonte: 978.425
  • Juiz de Fora: 184.620
  • Uberlândia: 176.592
  • Contagem: 163.413
  • Montes Claros: 101.468
  • Betim: 106.120
  • Uberaba: 86.867
  • Governador Valadares: 69.430
  • Divinópolis: 66.686 Ipatinga: 63.461
  • Santa Luzia: 59.137
  • Nova Lima: 24.586

 Os números correspondem à primeira dose da vacina. Confira neste link como está a vacinação e outros dados relativos à COVID-19 em sua cidade.

 COVID-19 em Minas

]Minas Gerais passou das 44 mil mortes pela COVID-19 nesta sexta-feira (18/6), depois da atualização divulgada em boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG). Desde o início da pandemia, são 44.068 vidas perdidas pelo coronavírus em território mineiro.

Desses óbitos, 254 foram registrados entre esta quinta-feira (17/6) para sexta-feira (18/6). Já o total de casos confirmados em Minas chegou a 1.724.506, com 10.449 novos registros nas últimas 24 horas.

Ainda há 92.172 em acompanhamento. Essa classificação se refere a pessoas ainda em tratamento e também a registros que precisam de atualização por parte das secretarias municipais de saúde. (Com Nathália Galvani)

Já nos hospitais das redes pública e privada, 889 pessoas que contraíram o vírus precisaram ser internadas em leitos de UTI e enfermaria no intervalo de 24h. A maioria das pessoas infectadas têm entre 30 e 39 anos, com 22,2% do total.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade