Publicidade

Estado de Minas VANDALISMO

Vândalos atacam posto de vacinação contra a COVID em Pouso Alegre

UBS, que fica no bairro Pão de Açúcar, teve grade arrancada e telhado quebrado. Prefeitura contabiliza prejuízos e atendimento foi suspenso durante a manhã.


14/06/2021 16:24 - atualizado 14/06/2021 16:43

UBS do Pão de Açúcar teve que suspender atendimentos por causa do vandalismo(foto: Prefeitura de Pouso Alegre/Divulgação)
UBS do Pão de Açúcar teve que suspender atendimentos por causa do vandalismo (foto: Prefeitura de Pouso Alegre/Divulgação)
A Prefeitura de Pouso Alegre, no Sul de Minas, ainda contabiliza os prejuízos que vândalos deixaram na Unidade Básica de Saúde (UBS) do Pão de Açúcar durante o fim de semana. Quando funcionários chegaram para trabalhar, nesta segunda-feira (14/6), encontraram torneiras abertas, alambrado danificado e telhado quebrado.

A UBS do Pão de Acúcar é um dos postos de vacinação contra a COVID-19 e está operando parcialmente nesta segunda-feira por causa dos danos no telhado. Os frascos de vacina não se encontravam no local no fim de semana.
Não se sabe exatamente quando o crime aconteceu, já que a unidade atende apenas durante os dias úteis. Um boletim de ocorrência foi registrado na Polícia Civil por "dano ao patrimônio público".

A unidade não tem câmeras de segurança, mas a Polícia Civil vai buscar por eventuais imagens em casas vizinhas para tentar identificar algum suspeito.
 
A prefeitura acredita que ao menos dois vândalos tenham quebrado o alambrado que dá acesso à unidade, subido no telhado e entrado em uma das salas de atendimento. 
 
Alambrado da UBS do Pão de Açúcar danificado(foto: Prefeitura de Pouso Alegre/Divulgação)
Alambrado da UBS do Pão de Açúcar danificado (foto: Prefeitura de Pouso Alegre/Divulgação)
 
Dentro da unidade, os vândalos abriram todas as torneiras e deixaram a água escorrer, e depois fugiram. Aparentemente, a fiação elétrica não foi atingida.
 
Um levantamento feito pela prefeitura aponta que nada foi levado. Apesar da UBS também ser centro de vacinação contra a COVID-19, as doses distribuídas no dia não ficam na unidade.
 
O total do prejuízo ainda não foi contabilizado pela administração.
 
Em um desabafo nas redes sociais, o prefeito Rafael Simões (DEM) disse que não pretende contratar equipe de vigilância para ficar no posto.
 
"Eu não vou gastar dinheiro com segurança à noite porque essas pessoas insistem em estragar o bem público. Sabe o que vai acontecer? Se vocês insistirem, vai faltar atendimento posteriormente", disse.
 
A UBS do Pão de Açúcar foi inaugurada em 2013.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade