Publicidade

Estado de Minas DOCUMENTO DO CARRO

Governo de MG prorroga exigência do CRLV de 2020 para 1º de julho

Por causa da crise financeira, estado estendeu prazo para que motoristas coloquem o documento de seus veículos em dia


23/04/2021 16:46 - atualizado 23/04/2021 19:38

Motoristas passam a ter mais tempo para quitar o documento de 2020(foto: Divulgação/Detran)
Motoristas passam a ter mais tempo para quitar o documento de 2020 (foto: Divulgação/Detran)
 
O governador Romeu Zema (Novo) anunciou nesta sexta-feira (34/4) que os motoristas de Minas terão prazo até 1º de julho para apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento Anual de Veículos (CRLV) referente a 2020. A medida foi divulgada por meio do perfil oficial do chefe do Executivo no Twitter.
 
"Está decidido. Só passará a ser cobrado dos motoristas a apresentação do o Certificado de Registro e Licenciamento Anual de Veículos (CRLV) a partir de 1º de julho. É o nosso governo presente em mais uma importante medida para auxiliar as pessoas nesse momento difícil da pandemia”, publicou Zema.

Em virtude da crise econômica provocada pelo coronavírus, o governo estadual havia adiado a cobrança do documento do ano passado inicialmente para 1º de março. Agora, diante do agravamento da situação econômica, optou por adiar mais uma vez. O documento relativo a 2021 não tem prazo de exigência definido.

No ano passado, motoristas também tiveram dificuldades para transferir os veículos por causa da suspensão dos serviços do Detran-MG durante a pandemia. 
 
Para fins de fiscalização, o CRLV referente ao ano de 2019 deve ser considerado o documento válido para comprovar a regularidade do veículo em circulação.
 
O documento pode ser apresentado em papel comum ou no formato digital disponível no aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT), caso em que o porte do CRLV é dispensado, cabendo ao agente consultar o sistema do Departamento de Trânsito de Minas (Detran-MG) para verificar se veículo está licenciado. Os veículos que foram apreendidos serão liberados.

A obtenção do CRLV pode ser feita depois do pagamento da taxa de licenciamento (no valor de R$ 112,40), que pode ser emitida junto com a guia do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). A partir de 2021, o documento deixa de ser enviado pelos Correios, mas pode ser obtido no próprio site do Detran-MG.

O órgão prevê multa de R$ 88,38 e retenção do veículo para motoristas que não apresentarem o documento, com base do artigo 230 (inciso 5) do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). A infração é de natureza leve.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade