Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Adiado pagamento de impostos de comerciantes de BH afetados pela pandemia

Comerciantes que chegaram a ter alvará suspenso são os contemplados pela prefeitura. Débitos podem ser parcelados em até seis vezes


20/04/2021 07:45 - atualizado 20/04/2021 08:07

O comerciante também pode optar por parcelar o débito em até seis vezes(foto: Leandro Couri/EM/DA Press)
O comerciante também pode optar por parcelar o débito em até seis vezes (foto: Leandro Couri/EM/DA Press)
Um dos vários pedidos do setor comercial foi atendido nesta terça-feira (20/4) pela Prefeitura de Belo Horizonte. Segundo consta em publicação no Diário Oficial do Município (DOM), foi prorrogado o prazo para pagamento de impostos por parte dos comerciantes que foram afetados pela pandemia de COVID-19.

Os comerciantes podem começar o pagamento até 30 de junho de 2021. Entre os impostos, estão taxas de Fiscalização de Localização e Funcionamento, de Fiscalização Sanitária e de Fiscalização de Engenhos de Publicidade. 

Além disso, o comerciante pode optar por parcelar o pagamento em até seis vezes, com último débito em dezembro deste ano.

Todos os gerentes que tiveram, em algum momento da pandemia, a suspensão do Alvará de Localização e Funcionamento, serão beneficiados com a medida.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade