Publicidade

Estado de Minas Fila pra vacinar

COVID-19: Idosos dormem na fila para garantir vacina em Pedro Leopoldo

Segundo comunicado da prefeitura nas redes sociais, nessa sexta-feira (5/3) apenas os 150 primeiros idosos de 80 a 84 anos seriam vacinados


05/03/2021 09:22 - atualizado 05/03/2021 09:47

Filas de carros se formaram na porta de Centro de Imunização de Pedro Leopoldo, apenas 150 senhas serão distribuídas nesta sexta-feira aos idosos de 80 a 85 anos(foto: foto: GLADYSTON RODRIGUES/EM/D.A PRESS %u2013 11/9/16)
Filas de carros se formaram na porta de Centro de Imunização de Pedro Leopoldo, apenas 150 senhas serão distribuídas nesta sexta-feira aos idosos de 80 a 85 anos (foto: foto: GLADYSTON RODRIGUES/EM/D.A PRESS %u2013 11/9/16)
Uma fila formada na porta do Posto de saúde José Azevedo de Carvalho/Centro Municipal de Imunização (CMI) de Pedro Leopoldo, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, desde a tarde dessa quinta-feira (05/03) tem causado muita aglomeração de idosos, público mais atingido pela COVID-19. Há relatos de pessoas que aguardaram com idosos dentro de carros por mais de 15 horas.
 
Após comunicado publicado nas redes sociais da prefeitura de Pedro Leopoldo de que seriam distribuídas 150 senhas para a vacinação e que os idosos seriam imunizados por ordem de chegada, a população correu para tentar garantir um lugar na fila.
 
Segundo informações divulgadas no início da semana pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-MG), apenas 25% dos idosos entre 80 e 84 anos conseguiriam ser vacinados com as doses enviadas  pelo governo estadual na 5° remessa aos municípios.

Até o momento, Pedro Leopoldo recebeu apenas 788 doses das 357,4 mil doses de vacina que seriam destinadas ao município.
 
A reportagem tentou entrar em contato com a Secretaria de Saúde de Pedro Leopoldo para ouvir o posicionamento sobre a logística da vacinação dos idosos na cidade, mas não teve retorno.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade