Publicidade

Estado de Minas VACINAÇÃO CONTRA COVID-19

Zema: 'Ainda hoje, haverá profissionais de saúde vacinados em MG'

Governador diz que doses chegarão a todos os municípios até a noite de terça-feira (19/1), distribuição por cidade ainda não foi acertada, segundo SES-MG.


18/01/2021 08:52 - atualizado 18/01/2021 12:40

Zema afirma que profissionais de saúde de MG começarão a ser vacinados ainda nesta segunda (18/1), mas detalhes sobre esquema de vacinação ainda aguardam 'alinhamento'.(foto: Twitter/reprodução)
Zema afirma que profissionais de saúde de MG começarão a ser vacinados ainda nesta segunda (18/1), mas detalhes sobre esquema de vacinação ainda aguardam 'alinhamento'. (foto: Twitter/reprodução)
"Assim que vacina chegar na central de distribuição, deveremos já começar o envio para as unidades da região metropolitana, e também para o interior, de forma que, hoje ainda, nós teremos profissionais de saúde sendo vacinados em Minas Gerais". 

Informada em entrevista à rádio CBN, a previsão otimista é do governador Romeu Zema (Novo). Segundo o chefe do executivo estadual, as 561.120 ampolas da CoronaVac reservadas pelo Ministério da Saúde a Minas Gerais chegarão a todos os municípios mineiros até a noite de terça-feira (19/1). A previsão é de que a remessa desembarque em Belo Horizonte por volta das 16h.



Zema foi a Guarulhos (SP) esta manhã participar do ato simbólico de entrega dos imunizantes comandado pelo ministro da Saúde, General Eduardo Pazzuelo. O produto foi desenvolvido pelo Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês SinoVac. O Butantan recebeu 6 milhões de doses da China. São Paulo ficou com 1.349.200. As demais unidades - 4.636.936 - foram divididas proporcionamente entre os 26 estados e o Distrito Federal. 

Zema afirmou que as doses até então separadas para Minas são suficientes para a primeira aplicação em grupos prioritários - profissionais de saúde, indígenas e idosos que vivem em instituições de longa permanência. A oferta da segunda dose dose da CoronaVac - essencial para garantir a proteção de até 100% em casos moderados e graves da COVID-1 9 - ainda não está garantida.

"Os técnicos do Ministério da Sáude ainda estão avaliano o prazo (para aplicação) - se são 15, 20 ou 30 dias. Essa segunda dose ainda não está definida. Mas é como eu disse. Uma segunda leva (de imunizantes), uma terceira, uma quarta, estarão chegando. Daqui a pouco, nós receberemos, em Minas Gerais, 200 mil doses quase que diariamente. Então, eu quero deixar claro aos mineiros: vai ter vacina para todos", ressaltou o governador.  


Distribuiçao por município

Questionada pelo Estado de Minas, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) informou que quantidade de doses reservada a cada cidade ainda não foi acertada. Ainda de acordo com a SES-MG, outros detalhes, como locais e horários da vacinação em cada município também "aguardam alinhamento". 

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) havia adiantado um esboço do esquema ainda em dezembro. Segundo a pasta, o estado adquiriu 50 milhões de seringas e agulhas e 671 câmaras refrigeradas para 462 municípios. 

A distribuição das doses vai seguir o fluxo das campanhas anteriores. O Ministério entraga os produtos na Central Estadual da Rede de Frio, em Belo Horizonte, que distribuirá as ampolas para outras 28 unidades regionais da SES-MG. Cada um dessas regionais é responsável por um número de municípios. Quanto à ordem de prioridade de vacinação, o estado deve obedecer ao seguinte planejamento, previsto pelo Ministério da Saúde. 

Fases da vacinação contra COVID-19

1ª fase
  • profissionais de saúde
  • idosos que residem em asilos  
  • Maiores de 75 anos
  • População indígena de terras demarcadas 
  • Povos e comunidades tradicionais ribeirinhas

2ª fase
  • Pessoas entre 60 anos a 74 anos

3ª fase
  • Cidadãos que apresentem comorbidades




receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade