Publicidade

Estado de Minas ACIDENTE

Carreta transportadora de combustível tomba e derrama diesel em rio

Veículo carregava 35 mil litros de óleo diesel que vazou sobre a pista da rodovia BR-146 em Araxá, no Triângulo Mineiro


19/10/2020 14:32 - atualizado 20/10/2020 12:38

Carreta tombou e interditou rodovia(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Carreta tombou e interditou rodovia (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Uma carreta que transportava combustível tombou no início da tarde desta segunda-feira (19) na BR-146, altura do quilômetro 140, em Araxá, no Triângulo Mineiro. O motorista ficou ferido.

De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, o veículo estava carregado com 35 mil litros de óleo diesel. O Núcleo de Emergência Ambiental (NEA), órgão da Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam), foi acionado para averiguar o vazamento do combustível que teria atingido o curso do Rio Tamanduá.

No local, o motorista estava com ferimentos leves, um corte na perna direita e dores na coluna. Ele foi resgatado pelos bombeiros e encaminhado para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA).

A rodovia precisou ser interditada. A Polícia Rodoviária Estadual também foi acionada para apurar a ocorrência.
 
Os bombeiros permaneceram no local até por volta das 19h. Os trabalhos perduraram até a chegada da transportadora e da seguradora, que fariam a retirada do veículo. 
 

Feam acionada 

A reportagem entrou em contato com a Feam, que é responsável pelo NEA. O órgão ambiental informou que 15 mil litros de óleo atingiram o solo e o Rio Tamanduá. 
 
O órgão também esclareceu que realizou o primeiro atendimento de maneira remota, com "acionamento da empresa de atendimento à emergência para adoção das medidas de limpeza e remediação ambiental do local atingido"
 
O NEA informa, ainda, que orientou a Polícia Militar do Meio Ambiente a verificar as captações de água a jusante do local do acidente e eventual ocorrência de mortandade de peixes. 

Dessa maneira, os ribeirinhos também foram alertados para evitar o consumo da água contaminada. 

A Feam esclareceu também que a transportadora será multada por dano ambiental. Porém, o valor ainda será calculado. Fiscais do NEA devem ir ao local nesta terça (20) para realizar atendimento presencial.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade